41% dos brasileiros acreditam que militares deveriam deixar de apoiar governo Bolsonaro, diz pesquisa

Foto: AP Photo/Eraldo Peres

47% dos brasileiros não acreditam que os militares, um dos pilares de apoio do governo de Jair Bolsonaro (sem partido), apoiariam qualquer ação do presidente que ameaçasse a democracia. Por outro lado, 26% acreditam que o apoio da ala militar é total e incondicional ao ex-capitão. Os dados são de uma pesquisa encomendada pelo site BR Político.

O questionamento foi feito após o presidente ter participado, no último dia 3, de um ato antidemocrático que, entre outras pautas, pedia o fechamento do Congresso, do Supremo Tribunal Federal (STF) e até intervenção militar.

No evento, Bolsonaro chegou a dizer que não aceitaria mais “interferência” de outros Poderes em seus atos e garantiu que teria os militares ao seu lado.

Em meio às crises vividas pelo governo, 41% defendem que os militares deixem de apoiar o presidente, contra apenas 32% que acreditam que eles devem se manter aliados da gestão Bolsonaro. Outros 27% não opinaram nesta questão.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Após a fala do presidente, as Forças Armadas, em nota, reforçaram seu compromissos com a democracia, contudo, não contrariam diretamente as declaração de Bolsonaro.

55% dos brasileiros classificam o apoio dos militares ao governo como “vital”. Apenas 15% avaliam que o aval das Forças Armadas é “pouco ou nada importante", mesmo percentual que o classifica como “indiferente".

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.