Cinco familiares de Michelle Bolsonaro teriam recebido auxílio emergencial, diz site

Foto: REUTERS/Adriano Machado

Familiares da primeira-dama Michelle Bolsonaro, esposa de Jair Bolsonaro (sem partido), receberam pelo menos uma parcela do auxílio emergencial de R$ 600, benefício criado para minimizar a crise social acentuada pela pandemia do novo coronavírus. As informações são do portal Metrópoles.

Entre os que receberam a ajuda financeiras estariam Antônio Wilton Farias Lima (padrasto), Maísa Torres Antunes (madrasta) e outras três tias maternas, aponta o site.

Leia também:

Vale ressaltar que não há indícios de irregularidades no recebimento da ajuda do governo federal. O auxílio em três parcelas é direcionado a pessoas de baixa renda que tiveram a renda afetada pelas medidas de isolamento social adotadas para frear o avanço da Covid-19. Michelle Bolsonaro nasceu e cresceu no Distrito Federal e sempre ressalta a origem humilde de sua família.

No ano passado, o jornal Folha de S. Paulo revelou que a avó materna de Michelle, Maria Aparecido Firmo Ferreira, permaneceu dois dias em uma maca improvisada no Hospital Regional de Ceilândia com uma suspeita de fratura no fêmur. Depois desse sofrimento, ela foi transferida para o Hospital Base, na região nobre de Brasília, logo após a repercussão negativa da reportagem.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

O auxílio emergencial é uma das pautas mais importantes da semana. O governo Bolsonaro estuda estender o benefício por mais dois meses, tendo em vista que os casos e óbitos no país seguem em alta.

Para ter o direito ao benefício, a renda familiar mensal da pessoal tem que ser de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.135,00). Além disso, o requerente não pode ter recebido rendimentos acima de R$ 28.559,70 em 2018.

É preciso também ter 18 anos, não possuir emprego informal, não receber seguro-desemprego ou ajuda de outro programa de renda a não ser o Bolsona Família, entre outros requisitos.

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.