Irmão de Diana elogia escolha de Harry para o nome da filha: 'Fantástico – e não me surpreende'

·3 minuto de leitura

O irmão da Princesa Diana elogiou seu sobrinho Harry por homenagear a falecida princesa no nome da filha.

Harry anunciou a chegada de sua filha, Lilibet Diana, em 6 de junho, dois dias depois do nascimento, em Santa Barbara, Califórnia, e o nome do meio da recém-nascida não surpreendeu quem acompanha a família real.

Leia também

O Príncipe William também incluiu o nome Diana ao nome de sua filha, nascida em 2015. Charles Spencer, o nono Conde Spencer e irmão de Diana, disse que não se surpreendeu com a decisão.

À ITV, ele revelou: "[É] fantástico, não me surpreende, eu imaginava que Diana seria homenageada".

"Que belo ato! O nome é muito característico e com certeza desperta muitas emoções neles."

"É maravilhoso que ela seja lembrada por mais uma geração."

Harry e Diana nos eventos do VJ Day em 1995 em Londres. (Foto reprodução: Tim Graham via Getty Images)
Harry e Diana nos eventos do VJ Day em 1995 em Londres. (Foto reprodução: Tim Graham via Getty Images)

O Conde Spencer liderou os pedidos por uma segunda investigação sobre as circunstâncias da entrevista de Diana a Martin Bashir, no programa Panorama , em 1997. A investigação de Lorde Dyson concluiu que o jornalista usou meios tortuosos e desonestos para conseguir a conversa com a princesa.

William e Harry defendiam a investigação e, após a divulgação do relatório, ambos fizeram declarações públicas.

O Conde Spencer disse que sentiu que sua irmã foi justificada pelas conclusões do relatório.

Ele disse: "Ela foi enganada sobre o tipo de entrevista que aconteceria, e isso definiu muito do que ela falou.

"É claro que ela tinha o direito de falar, eu apoiaria essa decisão, mas não por ter sido enganada."

A decisão de Harry e Meghan de batizar a filha como Lilibet, apelido de infância da rainha, chocou alguns especialistas em família real no Reino Unido, já que pouquíssimas pessoas usaram esse nome para se endereçar a Sua Majestade.

Segundo rumores, o apelido "pegou" quando seu avô, George V, notou que a jovem Princesa Elizabeth, ao tentar pronunciar o próprio nome, chamava a si mesma de "Lilibet".

No entanto, quem a chamava por esse apelido era a família e seu falecido marido, o Príncipe Philip.

O casal disse que não daria o nome à filha sem o apoio da Rainha.

O Conde Spencer afirmou ter visto os "jornais enlouquecendo novamente" com o nome, mas "com relação à família".

No programa da ITV, ele disse a Lorraine Kelly: "Eu me lembro da minha infância, quando Diana se tornou a Princesa de Gales e eu segui pelo mesmo caminho, e você cria uma distinção entre a personalidade midiática e a pessoa real que é parte da família dela".

Uma declaração no site Archewell anunciando o nascimento de Lilibet explicou: "O nome de Lili é uma homenagem a sua bisavó, Sua Majestade Real, cujo apelido na família é Lilibet. O nome do meio, Diana, foi escolhido para homenagear sua amada avó, a Princesa de Gales".

Uma mensagem de Harry e Meghan disse: "Ela é mais incrível do que poderíamos imaginar, e estamos gratos pelo carinho e as orações que recebemos do mundo todo. Agradecemos a gentileza e o apoio constantes nesse período tão especial para nossa família".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos