Irmã de Pedro Dom crítica série do Prime Video: 'Minha mãe sempre disse não'

·2 minuto de leitura
DOM - Amazon Prime credit:Bang Showbiz
DOM - Amazon Prime credit:Bang Showbiz

A irmã de Pedro Dom criticou a série do Amazon Prime Video inspirada em fatos reais.

Um dos sucessos originais da plataforma de streaming, a série 'Dom' conta a história de Pedro, um jovem de classe média alta viciado em drogas, que se tornou famoso por seu envolvimento no assalto a prédios de luxo do Rio de Janeiro. A trama também gira em torno do pai de Pedro, o policial Victor, que trabalhava diretamente no combate às drogas.

Após o lançamento da produção, a irmã do rapaz, Erika Grandinetti, alegou que o material não foi autorizado por sua mãe, Nídia Sarmento, e acusou seu pai de "explorar a dor da família''.

"Me chamo Erika, sou irmã mais velha de Pedro Dom. Infelizmente, meu papel neste exato momento é muito duro, ter de expor publicamente nosso desespero, vida familiar, dores, e impotências. Minha mãe, separada de meu pai, desde sempre disse não a esse projeto. Mas sua voz não foi ouvida (...) Sua história de vida com seu filho, a morte de seu filho se tornou um produto, pronto pra consumo", lamentou Erika, em uma carta aberta compartilhada nas redes sociais.

Erika alegou, ainda, que há "furos" na trama, pois seu pai era diferente do que foi retratado na produção.

"Imagine que você tem uma ferida, do tamanho das suas costas. Seu ex marido diz: 'Olha vou ganhar dinheiro com as suas dores'. E chama mais homens, sozinho ele não iria conseguir, sabem? Que juntos arrancam a casca da sua ferida, e você sangra, de novo, toda sua dor, história de luta, e dói muito. Ou alguém acha que depois de ter seu filho morto, alguém em sã consciência, quer reviver as dores? Mas como tudo pode piorar, seu ex-marido roubou a história da sua vida e contou como se fosse dele (...)Tanto faz, doa a quem doer", disparou Erika.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos