Intérprete do Quico diz que coronavírus é invenção da maçonaria e de Bill Gates

Rafael Monteiro
·2 minuto de leitura
SAO PAULO, BRAZIL - APRIL 14:  Actor Carlos Villagran performs in Kiko Show at Carioca Club on April 14, 2013 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/LatinContent via Getty Images)
SAO PAULO, BRAZIL - APRIL 14: Actor Carlos Villagran performs in Kiko Show at Carioca Club on April 14, 2013 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/LatinContent via Getty Images)



Carlos Villagrán causou espanto entre os fãs durante entrevista ao programa Sale el Sol, do canal mexicano Imagen TV, nesta semana. Segundo o eterno intérprete do Quico, do seriado Chaves, o novo coronavírus não existe e é uma invenção da maçonaria e de Bill Gates.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

”É um culto da maçonaria, e quem está por trás de tudo isso é Bill Gates, e tem muita gente por trás dele", afirmou ele, sem apresentar nenhuma prova. Segundo ele, a pandemia que já matou mais de 100 mil pessoas em todo o mundo.

Leia também


"Depois de ficarmos em casa, eles começaram a colocar antenas para o 5G, que se conectam a milhares de antenas colocadas em universidades, escolas, em todos os lugares, e também em satélites de baixo alcance, mais de 6 mil satélites”, prosseguiu Villagrán.

”Eles querem fazer uma rede para que em 2030 controlem o que se chama de população mundial", completou. Apesar da fala esquisita, Carlos Villagrán disse que está cumprindo o isolamento social por precaução.

“Vou dar uma razão muito poderosa: as bruxas não existem, mas que elas existem, existem. Sejam peras ou maçãs, estou tomando todos os cuidados", concluiu. Confira abaixo a entrevista (em espanhol):



Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.