Imperador emérito do Japão é diagnosticado com insuficiência cardíaca, mas sua condição melhorou

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Imperador emérito do Japão, Akihito, no Santuário de Ise, no Japão
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

TÓQUIO (Reuters) - O imperador emérito do Japão, Akihito, pai do atual imperador, foi diagnosticado com insuficiência cardíaca, mas sua condição melhorou mediante tratamento, disse uma autoridade da Agência da Casa Imperial nesta terça-feira.

Akihito, 88 anos, abdicou em 2019, a primeira abdicação de um imperador japonês em dois séculos, dizendo que não tinha certeza se conseguia lidar com as exigências do trabalho.

Insuficiência cardíaca é uma condição médica na qual o músculo do coração não bombeia sangue tão bem quanto deveria e pode ser tratada. É diferente do ataque cardíaco que consiste no bloqueio repentino de sangue ao coração.

Akihito foi diagnosticado com insuficiência cardíaca devido a uma válvula cardíaca defeituosa e está em tratamento com medicamentos e restrições a atividades e ingestão de líquidos desde então, disse uma autoridade da Agência. Ele começou a apresentar sintomas em junho e o diagnóstico foi feito este mês, segundo a autoridade.

"Ele está atualmente vivendo a vida normalmente", acrescentou a autoridade.

Akihito, filho do Imperador Hirohito, passou grande parte do seu reinado trabalhando para curar as feridas de uma guerra travada ao redor da Ásia em nome do seu pai, e também para aproximar a monarquia dos cidadãos comuns.

(Reportagem de Elaine Lies e Rocky Swift em Tóquio)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos