Idosos, principalmente mais pobres, perderam renda na pandemia, diz estudo

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Idosos perderam renda na pandemia. (Foto: MUHAMMAD A.F/Anadolu Agency via Getty Images)
Idosos perderam renda na pandemia. (Foto: MUHAMMAD A.F/Anadolu Agency via Getty Images)
  • Novo estudo concluiu que quase metade dos idosos perdeu renda na pandemia.

  • Entre esses, 23,6% tiveram perda drástica, inclusive alguns com perda total da renda.

  • Pesquisa foi conduzida no ano passado por meio de formulário online.

Um novo estudo conduzido pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) revela mais detalhes do impacto da pandemia do novo coronavírus sobre a população brasileira idosa.

Leia também:

O estudo se refere a pessoas com idade igual a superior a 60 anos, e foi conduzido por meio do preenchimento de um questionário online, entre abril e maio do ano passado.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Ao todo, 9.173 pessoas participaram da pesquisa, que mostra que antes da pandemia, 50,5% dos idosos tinham algum tipo de trabalho. As informações são da Agência Brasil.

Depois do início da pandemia, 47,1% relataram alguma queda na renda de seus domicílios. Desses, 23,6% relataram uma redução drástica, chegando a uma ausência total de renda, em alguns casos.

Os mais afetados, segundo a pesquisa, foram aqueles com renda per capita menor que de um salário mínimo.

COVID-19

O Brasil registrou novo recorde de mortes por COVID-19 nesta terça-feira: foram 3.688 óbitos em 24 horas, recorde absoluto que coloca o Brasil na liderança disparada entre os países onde a COVID mais mata.

O número total de mortes no país já ultrapassa a marca das 318 mil, e o de casos, 12,7 milhões.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube