Idosa falta à vacinação e polícia descobre seu cadáver escondido há anos pelo marido

Redação Notícias
·1 minuto de leitura
Idosa não se apresentou para vacinação contra Covid-19​ (AP Photo/Frank Augstein)
Idosa não se apresentou para vacinação contra Covid-19​ (AP Photo/Frank Augstein)

O corpo de uma idosa foi encontrado na casa onde vivia, escondido pelo marido, após ela se ausentar da vacinação contra a Covid-19. O caso aconteceu na cidade Aberdeen, na Escócia, e ganhou repercussão mundial nos últimos dias.

Christina Malley deveria se apresentar para receber a primeira dose contra o coronavírus no mês passado, mas faltou. Enfermeiras foram à residência checar o motivo da ausência e ouviram do marido, Daniel Malley, que ela havia viajado.

Leia também:

A explicação não convenceu os profissionais de saúde, que se surpreenderam ao descobrirem de vizinhos que Christina não era vista há anos. A polícia foi chamada, e Daniel repetiu a explicação.

Os agentes, porém, também não acreditaram no senhor de 78 anos, iniciaram uma busca pela casa e encontraram o corpo da idosa.

Exames comprovaram a identidade do cadáver, em estado avançado de decomposição. A polícia não sabe a causa da morte e nem quanto tempo o corpo de Christina esteve escondido, mas acredita que a mulher esteja morta há 12 anos, porque não era vista desde 2009.

Os vizinhos afirmaram que sequer sabiam que Daniel era casado. "Eu nunca o vi com uma esposa em todo o tempo que morei aqui. Me dá um arrepio quando penso que ela poderia estar na casa todo aquele tempo. Por que não havia cheiro ou moscas? É tão estranho", disse um deles ao jornal inglês The Sun.