Idosa de 101 anos é chamada para ser "influencer" de vinhos após procurar emprego

Colaboradores Yahoo Notícias
·2 minuto de leitura

Maria Cardoso, idosa de 101 anos que viralizou nas redes sociais após entregar um currículo em uma empresa de Promissão (SP), recebeu uma proposta de emprego para ser influenciadora digital de uma marca de vinhos. Ela decidiu procurar trabalho para poder comprar suas próprias bebidas.

De acordo com Diogo Cortez, dono da empresa de vinhos que fez a proposta, Maria já está previamente contratada como “influencer” da marca. Ele enviou algumas garrafas à idosa, que vai avaliar os produtos para decidir se gostaria de fazer propaganda para a empresa.

Leia também

“Vi a história na internet e achei incrível, tem muito a ver com a marca que estou construindo. Aí liguei para a dona Maria e a gente conversou. Já mandei os vinhos para ela, aí agora ela vai experimentar e, se tudo der certo, ela vai ser nossa 'influencer' nas nossas redes sociais”, contou Diogo em entrevista ao portal G1.

Se Maria gostar dos produtos, a empresa vai combinar um salário mensal com a idosa para que ela produza conteúdo para as redes sociais da marca. A ideia é fazer vídeos da idosa ganhando vinhos e falando o que achou das bebidas.

“Essa semana ela vai receber os vinhos e vamos começar a produzir material para o Dia das Mulheres. Nada mais justo que homenagear a dona Maria, o melhor exemplo dos últimos tempos de uma mulher que pensa diferente, luta pelo que quer e que, mesmo com 101 anos, quer comprar os vinhos dela sem depender de ninguém”, afirmou Diogo.

Na semana passada, o departamento de Recursos Humanos de um frigorífico em Promissão se surpreendeu ao receber o currículo da idosa de 101 disposta a trabalhar como auxiliar de escritório. O pedido de emprego viralizou nas redes sociais.

A senhora pediu a uma sobrinha que fizesse seu currículo para trabalhar na empresa, que já emprega outras pessoas da mesma família. Segundo a aposentada, ela queria trabalhar para comprar as coisas que gosta sem depender dos parentes.

“Eu quero trabalhar para comprar meus vinhozinhos, minha carninha, para não depender só da filha, ajudar um pouco”, disse Maria Cardoso em entrevista ao portal G1.

A bisneta da idosa repassou o currículo aos recrutadores da empresa pelo WhatsApp. O pedido de emprego chegou às mãos da analista de atração e seleção do frigorífico, Juliana Araújo, que divulgou a iniciativa em seu Facebook.

“Empoderada é a dona Maria, de 101 anos, que pediu para a neta me entregar o currículo dela porque quer trabalhar para não depender de ninguém para comprar os vinhos dela. Uma lição de coragem, força e independência para todas nós!”, escreveu Juliana em sua rede social.