HQ do filme do Flash revela como ele ganha seu novo uniforme no cinema

Enquanto The Flash segue com o cronograma para seu lançamento em 2023, após os eventos problemático envolvendo o ator Ezra Miller estarem (aparentemente controlados), uma nova história em quadrinhos que serve como prévia para o filme já revelou como o Velocista Escarlate troca seu traje sólido visto anteriormente para um novo, mais maleável e parecido com o das revistas.

Atenção! Spoilers para The Flash: Fastest Man Alive #1 e, possivelmente, para The Flash!

The Flash: Fastest Man Alive #1, escrito por Kenny Porter e desenhado por Ricardo Lopez Ortiz, foi lançado nos Estados Unidos recentemente, e, não fossem os atrasos das filmagens de The Flash, provavelmente chegaria às bancas a tempo da estreia do longa. A DC Comics decidiu manter a programação, e, mesmo com vários meses para a chegada da atração, colocou a revista nas bancas, revelando a troca de uniforme do Velocista Escarlate.

A trama acontece entre os eventos de Liga da Justiça, de Joss Whedon, lançado em 2017, quando vimos um Barry Allen ainda em começo de carreira, usando um traje mais sólido do que costumamos ver — que mais se parece com uma armadura. Na aventura, Flash apanha de uma vilão genérico e busca a ajuda de Batman, para ensiná-lo a lutar.

Ao longo da história, ele até aprende a usar melhor sua velocidade para aplicá-la em golpes contra os inimigos, mas acaba destruindo parte de seu traje. Batman, então, surpreendentemente, dá a Allen um anel do Flash, que, assim como nos quadrinhos, guardar seu uniforme maleável clássico. Não fica claro como ele e Alfred conseguiram o artefato — e isso é o que deve ser explicado no filme.

O Batman de Ben Affleck dá o anel do Flash, que garante o novo uniforme ao Velocista Escarlate (Imagem: Reprodução/DC Comics)
O Batman de Ben Affleck dá o anel do Flash, que garante o novo uniforme ao Velocista Escarlate (Imagem: Reprodução/DC Comics)

Fora isso, não há muitos detalhes sobre o filme. Contudo, a sinopse e outros rumores de bastidores adiantaram que a trama deve se basear em Ponto de Ignição (ou Flashpoint), saga em que Allen tenta voltar ao passado para salvar sua mãe e acaba zoando com as linhas temporais. Ou seja, deveremos ver, pela primeira vez nas telonas, o Multiverso DC que já apareceu muitas vezes em animações e na TV.

Flash: The Fastest Man Alive #1 já está à venda lá fora e nas plataformas digitais de quadrinhos. Já The Flash, dirigido por Andy Muschietti, está programado para 23 de junho de 2023.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: