"House of the Dragon", prequela de "Game of Thrones", decola em Hollywood

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Trono de Ferro da série "Game of Thrones"
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Rollo Ross

LOS ANGELES (Reuters) - O universo de "Game of Thrones" está de volta na prequela "House of the Dragon", com um novo elenco que apareceu diante das câmeras nesta quarta-feira para lançar o programa oficial de estreia, em Los Angeles.

Os novos responsáveis, que assumiram o trabalho de David Benioff e D.B. Weiss, são Ryan Condal e Miguel Sapochnik.

"Há mais riqueza, a série se passa em um momento de meio século de paz e a maior coisa da história é que há uma casa dividida. É sobre uma casa única que está se rasgando em pedaços a partir de dentro", disse Condal.

A série começa com o rei Viserys Targaryen, interpretado por Paddy Considine, deliberando sobre quem deveria ser seu próximo herdeiro: seu irmão, o príncipe Daemon (Matt Smith), ou sua filha, a princesa Rhaenyra (Emma D'Arcy).

No entanto, um terceiro desafiante ao trono ascende. Olivia Cooke interpreta Alicent Hightower, a amiga de longa data da princesa Rhaenyra, que se casa com o rei após sua esposa morrer durante o parto.

Cooke disse que gostou das cenas tensas entre ela e D'Arcy apresentadas no trailer. "É muito divertido para mim atuar ao lado de Emma, é como estar num confronto com Mike Tyson. Eu a amo tanto, e na tela parece que nos odiamos, mas eu a adoro absolutamente".

Para D'Arcy, esse é seu maior papel até hoje, e ela está se preparando para a fama repentina.

"Eu estou realmente empolgada para a série criar o seu público. O que isso faz para o meu dia a dia, ainda não posso dizer, mas estou muito empolgada para saber como as pessoas vão receber", disse D'Arcy.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos