Homem morre após usar supercola como preservativo na Índia

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Salman Mirza, 25, morreu após usar supercola no lugar de preservativo em Ahmedabad, na Índia, na terça-feira (24), segundo o The Times Of India. As autoridades indianas informaram na terça-feira (24) que o produto levou o jovem a uma falência múltipla dos órgãos.

Segundo um oficial sênior da polícia da cidade de Ahmedabad, Mirza e sua ex-noiva haviam consumido drogas e foram para um hotel em Juhapura. "Eles aplicaram a supercola nas partes íntimas, pois não carregavam nenhuma proteção".

A substância também foi inalada em uma mistura tóxica, o que "piorou" o estado de saúde do indiano. Ele foi encontrado desacordado na manhã seguinte e levado ao Hospital Civil Sola, mas não resistiu e morreu.

Familiares e amigos de Mirza disseram que ele havia tomado algum medicamento que afetou sua saúde. A polícia indiana investiga o caso como morte acidental, segundo o jornal.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos