Homem deixa de beber álcool e café por dois anos e conta os resultados

Arquivo pessoal

Se você está pensando em corta o álcool de sua rotina, este homem é a testemunha que faltava para te encorajar. Tobias Van Schneider, um designer de Nova York, resolveu deixar de lado o álcool e a cafeína por dois anos e os resultados foram mais que satisfatórios.

Em seu blog, ele compartilhou algumas das maiores vantagens da experiência. “Depois de dois meses eu notei que economizava U$ 1.000 (cerca de R$ 3.260). Além de beber, sair significa comer alguns petiscos ou jantar, então você não apenas bebe, mas fica com fome e gasta também com comida. Antes que perceba, você gastou mil dólares com isso no mês”.

Uma das coisas eu ele também viu diminuir em sua rotina foram as fofocas. “Você não tem mais vontade de sair porque toda vez precisa explicar porque você não está bebendo. Quando um grupo de pessoas me chama para sair para beber eu digo não. Não consigo lidar com as fofocas sendo uma pessoa sóbria”.

O sono também mudou drasticamente. “Tirar o álcool da minha dieta aumentou a qualidade do meu sono. Eu durmo melhor e acordo com mais energia”. Já sobre os efeitos do café, Tobias diz: “parar de tomar café me ajudou a ficar mais relaxado. O café sempre me deixava estressado, aumentava minha ansiedade e prejudicava minha digestão. Agora, não só me sinto mais relaxado, mas vou ao banheiro como um rei”.

Ele diz que não quer influenciar ninguém com sua experiência, apenas compartilhá-la. “No geral estou muito feliz com a minha decisão e não tenho vontade de começar a beber de novo. Eu também não estou dizendo para você fazer o mesmo. Se está feliz com como as coisas estão indo, não mude nada”.