Home office: como manter a saúde mental trabalhando de casa

Marcela De Mingo
·4 minuto de leitura
Father multi-tasking with young son (2 yrs) at kitchen table
Father multi-tasking with young son (2 yrs) at kitchen table

Em tempos de coronavírus e de tantas mudanças no mundo todo, é impossível não considerar como fica a nossa saúde mental durante o trabalho. Tudo bem que, desde o começo do período de quarentena em março deste ano (pelo menos no Brasil), já se passaram quatro meses - e há de se admirar a capacidade de adaptação do ser humano. Mas, ainda assim, há muito a se dizer sobre como manter a saúde mental no trabalho.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários

Por isso, conversamos com a consteladora e terapeuta Alessandra Pais para entender melhor como cuidar de si mesmo enquanto você trabalha de casa durante um momento tão desafiador quanto o que vivemos agora - e, até mesmo, depois que ele passar. Você pode assistir a conversa completa no vídeo mais abaixo.

Leia também

Limites e Fronteiras

Segundo a terapeuta, o pronto principal para lidar com o tele-trabalho (ou seja, o trabalho remoto, a versão brasileira do 'home office') é saber estabelecer limites e fronteiras. Esse é o primeiro passo para cuidar da sua saúde mental e saber diferenciar os horários de trabalho dos momentos de descanso.

Existem muitas maneiras de fazer isso. Uma delas é, por exemplo, estabelecendo uma etiqueta de trabalho. Evitar mandar e responder mensagens depois de um certo horário, evitar e-mails tarde da noite e, até mesmo, praticar o detox digital em alguns momentos do dia são formas práticas de fazer isso acontecer.

Uma dica é evitar o celular a partir de certo horário da noite (idealmente, uma hora antes de deitar na cama para dormir), e buscar fazer pausas programadas durante o dia para não sobrecarregar a mente e o corpo. Deixe o computador e o celular longe por alguns minutos, levante, alongue o corpo, tome um café… Enfim, busque maneiras de desconectar algumas vezes por dia.

Outro ponto importante para manter o foco e a produtividade é buscar distância dos seus pontos de distração principais. Por exemplo, limitar o uso de redes sociais durante o dia, e também considerar as distrações offline, como o desejo de passar uma vassoura depois de ver pó no chão da sala ou lavar a louça extra do almoço no horário de trabalho.

Uma boa ideia é usar o truque dos blocos de tempo. Comprometa-se a focar por um período de tempo, como 25 minutos, em uma tarefa, sem entrar no Instagram ou no Twitter no meio do caminho. E tenha um caderno ou agenda por perto pra anotar essas pendências offline que surgem na mente - assim, você tanto tira esse incômodo mental da frente como também lembra de cumprir com essas tarefas depois.

Vale lembrar que, infelizmente, ainda vivemos em um país extremamente desigual e, muitas vezes, a carga de trabalho da mulher é infinitamente maior que a dos homens pois, além de lidarem com as obrigações profissionais, costumam buscar equilibrar também o cuidado com os filhos e as tarefas de casa. O ideal, no caso de um relacionamento saudável, é buscar conversar sobre o assunto e encontrar um equilíbrio entre tarefas de casa e cuidados com as crianças, para que essa carga seja compartilhada.

No mais, o principal é você colocar no seu dia a dia atividades que você gosta, que promovam o bem-estar e a saúde do corpo e da mente. Meditação, exercícios físicos (ainda que dentro de casa), uma alimentação saudável… Tudo colabora para um equilíbrio melhor na hora de trabalhar. Isso, claro, sem contar a questão do limites e das fronteiras: saber até onde você consegue ir, com o que consegue lidar, o que precisa delegar e estabelecer horários limites para responder mensagens de trabalho (salvo emergências). Buscar abrir espaço para o diálogo com a sua equipe de trabalho também é essencial para que esse esquema funcione.