Harvey Weinstein nega acusações de estupro em Los Angeles

·1 min de leitura

Resumo da notícia:

  • Ex-produtor de cinema está sendo acusado dos crimes na Califórnia.

  • Ele já foi condenado a 23 anos de prisão por crimes em Nova York.

Harvey Weinstein se declarou inocente na última quarta-feira (21) em um tribunal de Los Angeles. O ex-produtor de cinema está sendo processado por 11 acusações de estupro e abuso sexual que teriam ocorrido contra cinco mulheres.

Leia mais:

"A declaração de não culpabilidade foi apresentada", disse o juiz Sergio Tapia, depois que um advogado falou em nome de Weinstein, que compareceu ao tribunal em uma cadeira de rodas e vestindo um uniforme marrom de presidiário.

Ele já cumpre uma sentença de 23 anos de prisão por abuso sexual e estupro em Nova York desde 2020 e sua queda é vista como uma grande vitória para o movimento #MeToo.

Weinstein foi transferido para Los Angeles nesta terça-feira (20) para responder a essas novas acusações, que podem levar a mais 140 anos de prisão.

"Ele nega absoluta, inequívoca e categoricamente as acusações (...) Elas não podem ser provadas, não são confiáveis e não têm fundamento", declarou seu advogado Mark Werksman a um grupo de jornalistas em frente ao tribunal.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News