Harvard concede a Sebastião Salgado título honorário de doutor em arte

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Universidade Harvard (EUA), uma das melhores do mundo, concedeu ao fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado o título honorário de doutor em arte, ao lado de outros seis destaques em diferentes áreas.

Formado em economia, Salgado é fotógrafo desde 1973, com diversos trabalhos publicados e exposições em museus e galerias ao redor do mundo. Neste ano, foi reconhecido pelo Fórum Econômico Mundial com o Prêmio Cristal por sua liderança na abordagem de assuntos ligados à igualdade e à sustentabilidade.

Na turma de laureados deste ano, o fotógrafo, que hoje mora na França, figura ao lado de importantes nomes em suas áreas. Também em arte, a universidade americana reconheceu Anna Deavere Smith, atriz, dramaturga, autora e educadora, pela criação de uma nova abordagem para o teatro.

Em seu trabalho, ela combina três habilidades: a de jornalista, ao conduzir entrevistas, a de dramaturga, ao transformar essas conversas em peças de teatro, e a de artista, ao trazer essas peças à vida, explica a universidade no comunicado em que divulga os homenageados.

Já em ciência, o título foi para a vencedora do Prêmio Nobel em Química de 2018, Frances Hamilton. Seu estudo "evolução direcionada" levou a novos meios de fabricação de combustíveis, produtos farmacêuticos e outras substâncias que não agridem o ambiente.

Os demais integrantes da turma de 2021, homenageada em uma cerimônia nesta terça (27), foram reconhecidos como doutores em direito, mas atuam em diferentes áreas. Martin Baron, ex-editor executivo do jornal americano The Washington Post, liderou diversos jornais ao longo de sua carreira de mais de 40 anos e, segundo Harvard, é um "forte defensor do papel essencial da imprensa em responsabilizar instituições poderosas e em contribuir para a vitalidade de uma sociedade democrática".

Também foram reconhecidos Arlie Russell Hochschild, estudiosa pioneira e professora emérita de sociologia na Universidade da Califórnia; Salman Amin Khan, educador e empreendedor, fundador da Khan Academia, organização dedicada a democratizar educação online de alta qualidade ao redor do mundo; e Margaret Hilary Marshall, ex-chefe da Suprema Corte de Massachusetts, que foi a primeira mulher a ocupar o cargo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos