Gregório Duvivier ironiza Luciano Hang em novo ganho na Justiça

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, BRASIL 26.09.2019: Humorista e escritor Gregório Duvivier durante jantar anual da Casa do Povo, em São Paulo. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pela segunda vez, o humorista Gregório Duvivier, 33, colunista da Folha, ganhou na Justiça contra o empresário Luciano Hang, dono da Havan. A informação foi divulgada por Lauro Jardim, do jornal O Globo.

No Twitter, Duvivier ironizou: "Se perder de novo @luciano_hang pode pedir música no Fantástico!". A frase é uma referência ao quadro do programa da Globo, em que jogadores de futebol podem pedir uma canção quando marcam três gols na mesma partida.

Hang entrou com uma ação judicial contra Duviver por conta de um tuíte publicado pelo humorista do Porta dos Fundos em 10 de maio de 2019, em que ele escreveu: "Tô tisti alguém mata o 'véio da Havan'."

Para o empresário, além de injúria, houve incitação ao homicídio. Em decisão de agosto, a juíza Maria Tereza Donatti não aceitou o pedido de Hang. "O que temos é a irresignação de um cidadão diante de uma piada formulada por um humorista, nada além disso."O empresário recorreu.

Nesta segunda-feira (16), os desembargadores da Primeira Turma Recursal Criminal do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) recusaram, mais uma vez, o pedido. Segundo o jornalista Lauro Jardim, pesou o fato de Hang ter assumido o apelido "véio da Havan" publicamente há dois meses, o que incluiu a confecção de meias com o nome para seus funcionários usarem. Ainda cabe recurso.

Procurada, a assessoria de imprensa da Havan afirmou que não vai se manifestar sobre o assunto.