Grammy Latino chega a Las Vegas com Bad Bunny como grande favorito

O Grammy Latino chega a Las Vegas na quinta-feira (17) com todos os olhos voltados para o artista de reggaeton Bad Bunny, que, como grande favorito com dez indicações, pode fechar seu ano de sucesso com chave de ouro.

Nascido Benito Antonio Martínez Ocasio, a estrela que revolucionou a cena musical com a cativante "Un verano sin ti", concorre, entre outros, nas cobiçadas categorias de Álbum do Ano e Gravação do Ano.

O cantor e compositor está em turnê pela América Latina e sua presença ainda não foi confirmada na gala.

O porto-riquenho de 28 anos, que arrebatou o Billboard Awards e dividiu a tela com Brad Pitt em "Trem-Bala", conseguiu outro marco na terça-feira ao ser indicado ao Grammy de 2023 como Melhor Álbum do Ano.

É a primeira vez que um álbum gravado inteiramente em espanhol consegue distinção nesta prestigiosa categoria, na qual o cantor e compositor concorrerá com Coldplay, Beyoncé, Adele e Harry Styles, entre outros.

Essa consolidação do gênero que transcendeu fronteiras e preconceitos para se tornar um sucesso mundial imparável já havia sido reconhecida pela Academia Latina da Gravação.

A cantora Anitta, que surpreendeu o mundo com o hit "Envolver" e uma das candidatas ao prêmio de Gravação do Ano, chega com duas indicações, ambas fora das categorias de língua portuguesa.

Por esses gramofones concorrem grandes nomes brasileiros como Caetano Veloso, Marisa Monte e Martinho da Vila, além de Ney Matogroso, Liniker e o rapper Criolo, entre outros.

Nesta quinta-feira, além de Bad Bunny, artistas como Rauw Alejandro, Daddy Yankee e Karol G vão além das categorias urbanas para concorrer aos cobiçados prêmios de Gravação do Ano e Canção do Ano.

Outros favoritos da noite são o compositor mexicano Édgar Barrera, com nove indicações, e o artista de reggaeton porto-riquenho Rauw Alejandro, com oito.

A diva pop Christina Aguilera, o uruguaio Jorge Drexler e a espanhola Rosalía estão empatados com sete indicações cada.

- Artistas revelação -

A 23ª edição dos prêmios Grammy Latino, a maior festa da música latina, acontece nesta quinta-feira à noite na arena Michelob Ultra em Las Vegas, com a presença de estrelas como Luis Fonsi, Karol G, Fito Páez, Fonseca, Becky G, Rosalía, Carlos Vives, Gente de Zona e as brasileiras Anitta e Ludmilla, entre outras.

A cerimônia servirá de cenário para um embate geracional entre novos talentos que estão reinventando a cena e a vanguarda que lhes abriu as portas em terras estrangeiras.

A categoria Melhor Artista Revelação conquistou o maior destaque deste ano com uma apresentação exclusiva na terça-feira em Las Vegas, na contagem regressiva para a gala.

A entrega do icônico gramofone, que já foi para estrelas em ascensão como Juanes, Maria Rita e Calle 13, promete algumas surpresas.

Uma das maiores novidades da noite é a cubana Ángela Álvarez, que aos 95 anos pode ser eleita a melhor revelação.

E ela não é a única surpresas que surgiu nas redes sociais.

Rosalía, para muitos a rainha da fusão de gêneros, está indicada para Melhor Vídeo Musical Longo com a revolucionária apresentação vertical de "Motomami", produzida para o TikTok.

A peça também ganhou uma indicação ao Grammy de 2023, na terça-feira.

pr/db/ad/aa