Gkay conta como aprendeu a lidar com haters: "Terapia me salvou"

Gkay conta como aprendeu a lidar com haters:
Gkay conta como aprendeu a lidar com haters: "Terapia me salvou" (Foto: Leo Franco/AgNews)

Com mais de 19 milhões de seguidores apenas no Instagram, Gessica Kayane, a Gkay, se tornou famosa após compartilhar vídeos de humor nas redes sociais. Porém, junto com os fãs, também vieram os haters. Em entrevista, a influenciadora digital admitiu que já teve muitos transtornos psicológicos por causa das críticas, mas a terapia a ajudou a lidar com os ataques:

"As pessoas já acompanham minha vida na internet há mais de quatro anos, e acompanham justamente por isso, porque eu sempre mostro os dois lados: as coisas boas, as viagens, os eventos incríveis, mas também que sou frágil, que passo por dificuldades, que enfrento problemas, que me aventuro em coisas que às vezes não dão certo", declarou ao Gshow.

Em um período em que a sua saúde mental estava prejudicada, a influenciadora decidiu buscar ajuda médica para melhorar: "Com certeza, a terapia me salvou", afirmou Gkay. "Me deu força e resistência para tentar assimilar as coisas, para lidar com os problemas de uma forma melhor, para tentar buscar esse equilíbrio entre a fama e a vida pessoal."

"Faço há três/quatro anos. Ainda é tabu para muita gente, mas eu defendo, bato nessa tecla porque foi o que me salvou mesmo. Ainda lembro do primeiro dia em que fui à terapia: eu estava passando por um período muito conturbado e ela me trouxe um alívio, uma calmaria, um caminho", relembrou.

Farofa em andamento

Recentemente, Gkay deu detalhes especiais sobre seu tão aguardado e comentado evento: a 'Farofa da Gkay'. Com edição prevista para dezembro, a festa, que já está sendo produzida, terá um alto custo para o bolso da influencer. Em uma entrevista ao GShow, a humorista revelou que até o momento, os cálculos de gastos feitos já chegam na casa dos 8 milhões.

"Já está beirando 8 milhões. Não sei de onde vou tirar tanto dinheiro. As pessoas acham que minha motivação é o dinheiro. É o dinheiro também, porque todo mundo gosta, todo mundo quer. Mas nesse caso, eu quero pegar e gastar ele todo na ‘Farofa’. Investir tudo na festa", contou para o site.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos