Gisele Bündchen bebia uma garrafa de vinho todas as noites quando estava "no fundo do poço"

Gisele Bündchen credit:Bang Showbiz
Gisele Bündchen credit:Bang Showbiz

Gisele Bündchen sofreu crises de ansiedade e pânico no início de sua carreira de modelo e admitiu que bebia uma garrafa de vinho todas as noites quando estava "no fundo do poço".

A supermodelo, de 41 anos, se abriu sobre os dias sombrios de seus 20 e poucos anos e revelou que uma dieta pouco saudável, com excesso de café, vinho e cigarros prejudicou sua saúde mental.

“Do lado de fora, parecia que eu tinha tudo e eu tinha apenas 22 anos. Por dentro, senti como se tivesse chegado ao fundo do poço. Eu começava meu dia com um mocha Frappuccino com chantilly e três cigarros, depois bebia uma garrafa de vinho todas as noites. Imagine o que isso estava fazendo com a minha mente”, revelou a beldade à revista 'Vogue' do Reino Unido.

Depois de chegar ao limite, Gisele foi à procura de um terapeuta holístico que a ajudou a se desintoxicar e mudar sua vida, cortando definitivamente a cafeína, o álcool e o tabaco, e dando início a uma dieta rica em vegetais, nozes e pequenas porções de carne branca.

A beldade da passarela explicou que o rígido regime culminou em terríveis enxaquecas no início, mas que os sintomas desapareceram depois de três meses, fazendo com que se sentisse saudável novamente.

“O médico… lembro dele dizendo: 'Bem, você quer viver?'. Foi simples assim. Acho que me sinto melhor aos quarenta do que aos vinte e não apenas fisicamente, porque todos nos dizem que a vida acabou aos 40 e sinto que estou apenas começando”, acrescentou a loira.