1 / 10

Menina escala montanha

Reprodução/Facebook Hollie Kenney

Garotinha de 7 anos se torna a menina mais jovem a escalar o ponto mais alto da África

Como já disse Beyoncé, quem domina o mundo são as garotas. E não importa a idade, elas sempre mostram que são capazes de realizar grandes feitos.

Leia mais: Com apenas três anos, garotinha ajuda a fazer o parto de seu irmão e fotos viralizam

Uma delas é a americana do Texas, Montannah Kenney, de 7 anos. A pequena se tornou a menina mais jovem a escalar o Monte Kilimanjaro, no norte da Tanzânia. Este é o ponto mais alto da África e Monstannah subiu 5 895 metros para alcançar o topo.

A mãe da menina é triatleta e foi ela quem a treinou e acompanhou na jornada. Os treinos duravam de quatro a oito horas aos fins de semana, com escaladas de distâncias curtas durante a semana.

A ideia veio da própria Montannah e sua determinação em convencer a mãe garantiu uma permissão legal para escalar o lugar. A idade mínima permitida é de 10 anos de idade e além da permissão, a menina contou com a companhia da mãe e de um grupo de 25 pessoas.

Mesmo batendo um recorde mundial, essa não era a intenção da jovem. O que a fez se lançar nessa aventura foi a vontade de se sentir mais próxima do pai, que faleceu quando ela tinha apenas 3 anos.

Leia mais: Garoto autista impressiona ao fazer réplica do Titanic com 56 mil peças de Lego

Segundo a mãe de Montannah, quando elas chegaram ao topo, a menina teve um lindo momento saudando o pai. “Foi muito bonito. Ela sabia que queria mandar beijos e acenar para ele do alto e, com esperança, ele iria vê-la”.