'Garota da água' diz que não queria roubar a cena no Globo de Ouro

Kelleth Cuthbert, ao fundo, numa das muitas fotos que “invadiu” durante o tapete vermelho do Globo de Ouro (Imagem: Getty Images)

Kelleth Cuthbert, a modelo que teve seus 15 minutos de fama durante o tapete vermelho do Globo de Ouro, no último domingo, ao aparecer atrás das celebridades do cinema e da TV com uma bandeja de água em diversas fotos, diz que não queria roubar a cena. Segundo ela, seu instinto acabou falando mais alto e a fazendo olhar para as câmeras.

A ação foi uma estratégia de marketing da Fiji, uma das patrocinadoras do evento, que celebrou a onda de comentários e memes nas redes sociais a partir das fotos com Kelleth. “Estamos muito felizes que todo mundo está falando da nossa água”, foi a mensagem postada no perfil da marca de água mineral.

O post ainda faz uma brincadeira, dizendo que estava “sentindo uma presença sombria”, e fecha o texto perguntando: “Ela está bem atrás de nós, não é?”.

Entrevistada pela revista People, a modelo diz que a aparência sombria em algumas das fotos não foi proposital. “Os fotógrafos têm que tirar tantas fotos, em tão pouco tempo”, explicou. “Obviamente que meu rosto não ia aparecer completamente pleno em todas, então eles capturaram várias expressões nas quais estou fazendo naturalmente caras estranhas”.

Em sua carreira de 12 anos como modelo, ela nunca tinha experimentado nada parecido antes. Após terminar seu trabalho no tapete vermelho, Kelleth Cuthbert foi surpreendida ao ver suas imagens viralizando na internet. “Um pouco antes da cerimônia começar as pessoas começaram a enfiar seus celulares na minha frente para me mostrar que estavam falando de mim no Twitter, mas eu só entendi a magnitude daquilo tudo mais tarde”, revelou.