'Game of Thrones' promete duelo final entre Daenerys e Cersei em episódio tenso

(Imagem: divulgação HBO)

O quarto episódio da temporada final de ‘Game of Thrones’ começou ainda no rescaldo da Batalha de Winterfell, com o lamento pelas vidas perdidas e as comemorações pela vitória contra os Caminhantes Brancos e o Rei da Noite. Bebedeiras e insinuações sexuais deram o tom na primeira metade do capítulo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

A segunda parte, porém, foi marcada pela preparação dos heróis para o confronto em Porto Real, onde pretendem tomar o trono de Cersei Lannister. Veja abaixo os principais acontecimentos do episódio deste último domingo e o que isso pode significar para o futuro da série.

Daenerys enfraquecida

Cada vez mais, os roteiristas de ‘Game of Thrones’ fazem questão de mostrar como Daenerys é obcecada pelo Trono de Ferro, e como isso pode ser sua própria ruína. A ponto da personagem tentar convencer Jon Snow a omitir as informações sobre sua origem, para que ela possa ser a Rainha inquestionável dos Sete Reinos.

Se boa parte dos fãs já questionava as atitudes de Daenerys, o episódio fez até mesmo os conselheiros Tyrion e Varys questionarem internamente a saúde mental dela. Enquanto isso, Sansa parece cada vez menos disposta a vê-la no trono e não esconde isso.

Para completar, a Mãe dos Dragões ainda perdeu mais um de seus filhos, Rhaegal, alvejado por Euron Greyjoy num embate marítimo que rendeu cenas impressionantes (e desta vez em plena luz do dia) e terminou episódio vendo sua fiel escudeira Missandei ser decapitada. Pode ser o suficiente para perder a sanidade de vez.

(Imagem: divulgação HBO)

Arya recusa casamento

Depois de ser a grande heroína da Batalha de Winterfell, Arya passou por mais um momento decisivo. Ela foi pedida em casamento por Gendry, agora nomeado oficialmente Lorde de Ponta Tempestade, em reconhecimento à sua origem Baratheon. No entanto, a garota gentilmente recusa, dizendo não ter nascido para a nobreza.

Mais adiante no episódio, Arya é vista cavalgando para Porto Real ao lado de Sandor Clegane, o Cão de Caça, dizendo que tem pendências a resolver por lá. Vale lembrar que Cersei é um dos nomes na lista de pessoas que a jovem jurou matar.

Jon revela sua origem

Jon Snow conta para as irmãs Sansa e Arya a verdade de sua origem, como um herdeiro Targaryen que tem direito legítimo ao Trono, mesmo que ele diga não ter interesse na posição. Apesar de ter jurado segredo, Sansa repassa a notícia para Tyrion, na esperança que este se convença que Jon é de fato a pessoa mais indicada a comandar Westeros, algo que Varys também concorda.

Será que a mensagem que os roteiristas querem passar é que o Trono vai ficar com quem está destinado a ele, mesmo sem a pretensão de chegar lá?

(Imagem: divulgação HBO)

Jaime e Brienne passam a noite juntos

Quem torcia para Tormund no triângulo amoroso entre o ruivo, Brienne e Jaime pode ter se decepcionado. O episódio marcou o início do romance entre a Cavaleira e o Lannister, depois da moça revelar que era virgem até então, e também seu provável final, já que Jaime pegou seu cavalo e se dirigiu a Porto Real ao saber que Cersei não está planejando uma rendição.

Cersei está pronta

Agora que abateu um dos dragões de Daenerys, Cersei está mais confiante do que nunca sobre uma vitória no embate e sua permanência no Trono, mesmo que tenha que sacrificar milhares de seus súditos. Nem os apelos do irmão Tyrion foram suficientes e a vilã se prova mais cruel a cada nova aparição.

Veja abaixo o trailer do próximo episódio (em inglês):