Gabriela Prioli faz desabafo, e fãs lamentam possível saída da CNN

Redação Vida e Estilo
·3 minuto de leitura
Gabriela Prioli. Foto: reprodução/Instagram/gabrielaprioli
Gabriela Prioli. Foto: reprodução/Instagram/gabrielaprioli

Protagonista de vídeos que viralizaram nas redes sociais nas últimas semanas, a comentarista da CNN Brasil Gabriela Prioli usou suas redes sociais para fazer um desabafo público neste domingo (29). Ao dizer que passaria a fazer suas análises em seus perfis pessoais, a integrante do programa “O Grande Debate” deu a entender que está deixando a emissora menos de um mês após sua estreia.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

No programa da última terça-feira (24), em participação ao lado do também comentarista Tomé Abduch, Gabriela foi interrompida diversas vezes. Sem mencionar nomes diretamente, a mestre em Direito Penal afirmou em seu comunicado que não deixaria de se posicionar de acordo com suas convicções, inclusive em situações de constrangimento.

Leia também:

“Não é fácil ser firme no início de um projeto profissional, mas é impossível não me comportar segundo aquilo que eu defendo, apesar das possíveis consequências. Eu digo a vocês, de forma reiterada, para se posicionarem, serem firmes e não cederem diante de comportamentos que vocês considerem inadequados. Se agora, quando a vida demanda isso de mim, eu agisse de outra forma, estaria sendo hipócrita”, afirmou.

Em seguida, ela contou que precisou cobrar respeito em mais de uma ocasião. “É preciso ser mais contundente. O meu compromisso é com um debate racional, prospectivo, informativo e respeitoso. Não consigo atingir o meu objetivo se for constrangida e não posso seguir participando do debate sem que a convicção sobre a gravidade do constrangimento não seja só minha, mas de todos os envolvidos, na frente e atrás das câmeras”, disse.

Gabriela, que ganhou popularidade nas redes pela qualidade de seus argumentos frente ao discurso raso de apoiadores do governo de Jair Bolsonaro, ainda acrescentou: “Não posso legitimar que o achismo seja equiparado ao conhecimento científico nem contribuir para acirrar a polarização.
Seguirei, por enquanto, dividindo com vocês as minhas análises nas minhas redes e pensando em outras formas para podermos interagir e evoluir com qualidade”.

A comentarista concluiu o texto agradecendo o apoio recebido dos telespectadores. Entre seus seguidores, alguns lamentavam sua possível despedida. “Saiu da CNN? Nãoooooooo! Precisamos de você!”, escreveu um seguidor.

Muitos também optaram por parabenizar e incentivar o trabalho de Gabriela, independentemente do veículo. “Muito obrigado pela sua lucidez! Aliada e fundamental pra atravessar essa crise! Uma luz”, opinou o ator Luis Lobianco. “Amiga maravilhosa! Precisamos de você! Siga firme! Conte com nosso apoio”, afirmou a ativista Luisa Mell.