Gabriela Duarte contraria Regina Duarte e repudia ataques bolsonaristas em Brasília

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 09.01.2020 - A atriz Gabriela Duarte. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 09.01.2020 - A atriz Gabriela Duarte. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLLHAPRESS) - A atriz Gabriela Duarte repudiou, nesta segunda (9), os ataques golpistas e de vandalismo que ocorreram em Brasília no dia anterior.

"Vandalismo e ignorância são inimigos da liberdade", publicou ela no Instagram. No Stories da rede social, a atriz também compartilhou duas imagens contra os atos. Uma delas apresenta uma bandeira do Brasil com as frases "sem ordem não há progresso. E nem país. Vandalismo não!".

"Quem vandaliza não me representa", postou também.

Filha de Regina Duarte, ferrenha defensora do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), Gabriela não segue a mãe no Instagram. Em postagem no dia 29 de dezembro, ela publicou uma foto em que Regina aparece com os netos em uma piscina. "Um fim de ano bem we are family [somos uma família]", escreveu na legenda. Ela, porém, não marcou o perfil da mãe na postagem.

Gabriela não costuma se manifestar politicamente. Uma das poucas vezes em que se posicionou foi logo após Lula (PT) ser eleito, no ano passado. Na ocasião, ela compartilhou uma mensagem do apresentador e economista Ricardo Amorim, que defendia apoio ao petista.

A postagem dizia que era hora de apoiar o novo presidente e torcer por ele e pelo país para que tudo dê certo. Na publicação, Gabriela usou as hasgtags #eutorçopelobrasil e #euqueroquetodosganhem.

Já Regina Duarte, que é ex-secretária de Cultura do governo Bolsonaro, costuma publicar diariamente várias postagens em apoio ao ex-presidente.

No início da tarde de domingo (8), ela compartilhou um vídeo no qual exaltava o político. Nele, mostrou uma passagem do político pelos Estados Unidos e o carinho de apoiadores recebidos por ele. "Se continuar desse jeito, Bolsonaro vai acabar sendo presidente dos EUA, e a gente é que perde", dizia a legenda.

Regina ainda escreveu que era preciso ter calma. "Ele pode ter parecido maluco, mas sempre lutou pelas quatro linhas. A Constituição o deterá. Sempre", emendou.

Desde então, ela não fez novas publicações em suas redes e silenciou sobre os ataques golpistas em Brasília.

Na semana passada, a atriz postou uma fake news dizendo que a faixa presidencial usada pelo petista seria falsa. Na ocasião, a atriz Elisa Lucinda a rebateu: "Deixe de ser antidemocrática. Você tem netos. Não os ensine a desrespeitar o presidente da República", escreveu no post.