Funkeiro diz não se orgulhar da letra de 'Deu Onda', seu maior sucesso

O dono do hit ‘Deu Onda’ participou do ‘Encontro’ nesta quarta (Foto: Reprodução/TV Globo)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Gabriel Paixão, mais conhecido como MC G15, afirmou não ter orgulho de cantar a letra cheia de palavrões de seu hit “Deu Onda”. No “Encontro com Fátima Bernardes” desta quarta-feira (11), ele contou que sonhou com o sucesso de uma versão mais light do funk e decidiu recriá-lo.

Na atração matinal, o trecho “Eu não preciso mais beber/E nem fumar maconha” virou “Eu não preciso mais beber/E não tenho vergonha”. Para aproveitar a letra polêmica da música, uma das pautas do dia do programa foi o uso de palavrões.

Leia também:
Nudez de Juliana Paes em ‘Dois Irmãos’ causa rebuliço na web
Aline Riscado arranca suspiros na Praia da Macumba

Felipe Andreoli – que está apresentando o ‘Encontro’ ao lado de Ana Furtado – disse nunca ter visto Fátima Bernardes, que está de férias, falar palavrão. Lair Rennó, então, deixou escapar o único insulto que sai da boca da apresentadora: “bodega”.