Friends: The Reunion - 5 coisas que faltaram no especial

·3 minuto de leitura

17 anos após o último episódio de Friends ir ao ar, a HBO Max fez o que todos os fãs da sitcom mais famosa do mundo sonhavam: trouxe os nossos amigos favoritos de volta para uma reunião especial.

Friends: The Reunion lançou na última quinta-feira (27) no serviço da Warner, e aqui, Courteney Cox, Jennifer Aniston, Lisa Kudrow, Matthew Perry, David Schwimmer e Matt LeBlanc relembram toda a trajetória de Monica, Rachel, Phoebe, Chandler, Ross e Joey, personagens que eles viveram por mais de 10 anos.

É difícil imaginar o que esse momento representa aos fãs de Friends que estão a série acompanhando desde o primeiro episódio. Já que nasci quando a série estava em suas últimas temporada, não tive a oportunidade de assistir momentos como, Ross trocando o nome da Emily para Rachel no casamento, entender o conceito absurdo de Unagi, os amigos cantando When The Lion Sleeps Tonight para o famoso macaquinho Marcel, e até mesmo Phoebe gritando “MY EYES, MY EYES” quando descobre que Monica e Chandler estão juntos, logo na estreia.

Independente se você assistiu o seriado quando estava no ar, ou anos após a final, quando a série já estava disponível nos streamings, o sentimento de nostalgia é forte. Aquelas seis pessoas tão familiares ali na tela parecem ser seus amigos de longa data.

Apresentado por James Corden - um dos grandes hosts da TV norte-americana - a reunião é composta por momentos incríveis e memoráveis do seriado, mas por ter apenas 1 hora e 40 minutos, o especial não conseguiu reunir tudo que os fãs desejavam. Por isso, listamos cinco coisas que sentimos falta em Friends: The Reunion.

PAUL RUDD, O "SÉTIMO FRIEND"

É impossível não concordar que Mike Hannigan, personagem interpretado por Paul Rudd, foi o melhor namorado de Phoebe, tanto que eles acabam se casando nas últimas temporadas de Friends. Mike era um personagem engraçado e que possuía uma química incrível com os seis personagens principais, e assim, teria sido incrível que Rudd tivesse feito uma pontinha na reunião.

OS PERSONAGENS 20 ANOS DEPOIS

No final do especial, os atores comentam como eles acreditam que está a vida de seus personagens hoje em dia, mas o que absolutamente todos os fãs gostariam de ver era pelo menos 10 minutos deles interpretando os seis amigos.

OS FILHOS DOS FRIENDS

Ben Geller, - interpretado por Cole e Dylan Sprouse - filho de Ross e Carol, é um dos mais lembrados personagens secundários da série. Ele proporcionou várias risadas ao público, como no episódio que Rachel ensina o garotinho a pregar peças nas pessoas e torna a vida de Ross um pesadelo. E é claro, como não esquecer do episódio que seu pai se fantasia do Christmas Armadillo para ensinar Ben as tradições do Hanukkah, feriado judáico, quando a criança só pensa no Papai Noel.

Também seria interessante ver Noelle e Cali Sheldon, intérpretes de Emma Geller-Green, agora com 18 anos.

ABERTURA RECRIADA

A cena de abertura de Friends conta com momentos divertidos dos atores na frente de uma fonte de água, e se no final do especial, esse momento fosse recriado com os seis posicionados exatamente como seus personagens há anos atrás, seria algo muito especial.

MAIS CONVIDADOS ESPECIAIS

Tom Selleck e Maggie Wheeler, que interpretavam importantes ex-namorados de Monica e Chandler, respectivamente, participaram da reunião dos amigos. Mas Jon Favreau, intérprete de Pete Becker, o milionário namorado de Monica na 3ª temporada de Friends, não está no especial. Outros atores muito importantes para a série que os fãs sentiram falta é Jane Sibbet, que interpretou Carol, esposa lésbica do Ross e Giovanni Ribisi, o hilário irmão mais novo de Phoebe.

Friends: The Reunion está disponível no HBO Max, que chega em 29 de junho no Brasil. Confira aqui tudo sobre o streaming.