FPF troca leitos por realização de jogos em Volta Redonda

Redação Esportes
·1 minuto de leitura
VOLTA REDONDA, BRAZIL - OCTOBER 07:  General view of Cidadania Stadium before a match between Flamengo and Atletico-GO as part of Brazilian Championship Serie A on October 7, 2010 in Volta Redonda, Brazil. (Photo by Buda Mendes/LatinContent via Getty Images)
Estádio Raulino de Oliveira (Buda Mendes/LatinContent via Getty Images)

Para poder continuar o Campeonato Paulista, a Federação Paulista de Futebol (FPF) doou respiradores e equipamentos para leitos para a Prefeitura de Volta Redonda, no Rio de Janeiro, que receberá duas partidas nesta semana.

>> Ouça o 'Segunda Bola', o podcast do Yahoo com Alexandre Praetzel e Jorge Nicola

A informação foi revelada pelo prefeito de Volta Redonda, Antônio Francisco Neto, em entrevista ao SporTV na tarde desta terça (23), horas antes do primeiro jogo marcado para a cidade, entre Corinthians e Mirassol.

Leia também:

Após o anúncio de que a FPF mandaria partidas no Estádio Silvio Raulino de Oliveira, a prefeitura informou que o jogo deste terça aconteceria, mas que o outro jogo que a FPF desejava realizar no local, Palmeiras e São Bento, não poderia ser no local.

De acordo com o site Esporte News Mundo, tudo mudou após uma ligação da FPF. Para que a partida entre Palmeiras e São Bento fosse realizada na quarta (24), a federação ofereceu equipamentos para dez leitos de UTI na cidade. A informação foi repassada ao veículo pelo o assessor do gabinete da Prefeitura de Volta Redonda, Rafael Rego de Paiva.

No último boletim da Secretaria Municipal de Saúde, Volta Redonda tem 506 óbitos por causa do novo coronavírus e 21.480 casos confirmados. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, a cidade tem 91% dos leitos destinados a Covid-19 ocupados.