1 / 11

Fotógrafa faz belo projeto com imagens de crianças e adolescentes transgêneros

Zak, garoto transgênero de 13 anos – Divulgação

Fotógrafa faz belo projeto com imagens de crianças e adolescentes transgêneros

Cada dia mais a liberdade de gênero vem ganhando força e as pessoas têm se educado sobre o tema. Graças a informação, é possível identificar desde cedo a identidade que a criança se identifica para então dar o suporte necessário para que ela cresça sabendo que pode ser quem realmente se sentem.

Para ajudar ainda mais a transformar a cabeça das pessoas e incentivar a tolerância e respeito aos trangêneros e não-binários, a fotógrafa americana Annie Tritt criou o projeto Transcending Self. Ela passou dois anos retratando crianças e adolescentes que não se identificam com seus gêneros de nascimento. “As pessoas costumam ter medo e julgar aquilo que não conhecem. Depois de serem expostas às novidades, podem mudar bastante. É a visibilidade que muda isso”, explica.

O projeto não se resume apenas as imagens, mas também a depoimentos das crianças retratadas que são publicados no site e na página do Facebook. A proposta é mostrar o quão libertador é para a criança saber que pode contar com o apoio da família e tornar a transição menos difícil. “O projeto, num todo, conta uma história importante. Algumas pessoas dizem coisas bastante positivas. Outras compartilham as partes mais difíceis”, explica Annie. Confira algumas imagens na galeria e para todas as histórias, é só entrar no site da fotógrafa.