Flip abre venda de ingressos cobrando R$ 120 por cada mesa; saiba como comprar

***ARQUIVO***PARATY, RJ, 12.07.2019 - Movimentação do público durante a Flip (Feira Literária Internacional de Paraty). (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***ARQUIVO***PARATY, RJ, 12.07.2019 - Movimentação do público durante a Flip (Feira Literária Internacional de Paraty). (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Festa Literária Internacional de Paraty começou nesta segunda-feira a vender ingressos para as mesas de sua programação principal por meio da plataforma Inti.

A entrada para cada uma das 20 mesas desta edição custa R$ 120, e algumas categorias como estudantes, professores do Rio de Janeiro e maiores de 60 anos têm direito a pagar metade do preço. Para efeito de comparação, na última edição presencial, em 2019, o ingresso custava R$ 55.

Há 500 lugares neste auditório principal pago, onde falarão os escritores, e mais 500 no auditório da praça, onde um telão transmitirá as palestras ao vivo gratuitamente.

Algumas das mesas mais concorridas, como a que trará Annie Ernaux, mais recente Nobel de Literatura, e aquela em que o líder indígena Davi Kopenawa celebrará a fotógrafa Claudia Andujar, se esgotaram em poucas horas.

Mas ainda há ingressos para ver de perto nomes como Camila Sosa Villada, Benjamín Labatut, Saidiya Hartman, Teresa Cárdenas, Lenora de Barros e Lázaro Ramos, além da mesa de abertura sobre a homenageada, Maria Firmina dos Reis.

A Flip acontece de 23 a 27 de novembro, de quarta a domingo, organizada por um coletivo de três curadores e celebrando pela primeira vez uma escritora negra --"Úrsula", obra-prima de Firmina, é considerado o primeiro romance publicado por uma mulher no país.