Finalista da Champions, De Bruyne foi traído por antiga namorada com carrasco do Brasil em 2018

·1 minuto de leitura


O belga Kevin De Bruyne é uma figura ímpar no futebol. Finalista da Champions League e postulante à Bola de Ouro desta temporada, o camisa 17 do Manchester City prefere manter sua vida pessoal fora dos holofotes. Contudo, apesar de introvertido, o meia esteve envolvido em uma polêmica que abalou o esporte da Bélgica. Companheiros de seleção, De Bruyne foi traído por uma ex-namorada com Courtois, goleiro titular dos "Diabos Vermelhos".
+ Confira a classificação da Premier League

Em 2014, o craque do City teve sua vida invadida pela imprensa inglesa. Ao ser negociado com o Chelsea, clube que enfrentará na finalíssima da principal competição europeia, sua ex-namorada Caroline Lijnen revelou em entrevista ao "Daily Mail" que havia traído o belga com seu colega de Seleção da Bélgica, o goleiro Courtois, hoje no Real Madrid.

Caroline confirmou que teve relações com o guarda-redes um ano antes do meia ser transferido ao Chelsea. A ex-namorada ainda expôs questões pessoais ao declarar que "recebeu em uma noite de amor mais do que Kevin proporcionou em três anos de namoro", inflamando a polêmica.

Em contrapartida, Caroline Lijnen ponderou que traiu De Bruyne como uma forma de vingança. De acordo com ela, o belga teria se relacionado com sua melhor amiga enquanto estavam namorando.

Pai de três filhos e casado com Michele Lacroix desde 2016, o pilar do esquema de Pep Guardiola chegou a cortar relações com o goleiro, problemática que abalou a esfera futebolística na Bélgica.

Atualmente, dois costumam dizer que possuem uma relação amistosa e sem mal-estar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos