8 filmes estrelados por todos os tipos de pets

Em 'Gatos' você enxerga o mundo pelos olhos dos gatos (Foto: Reprodução/IMDb)

Os pets sempre foram uma presença constante no cinema, seja como coadjuvantes ou protagonistas. Tal como na vida real, cães, gatos e cavalos são os mais populares, mas ratos, porcos, baleias, papagaios e até cangurus já tiveram seus momentos de estrelas do cinema. Confira 8 filmes estrelados por animais que fazem alegria das crianças e dos adultos.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Leia também

‘Babe - O Porquinho Atrapalhado’ (1995)

O clássico filme do porquinho que quer ser pastor de ovelhas arrastou milhões des espectadores aos cinemas, foi indicado a sete Oscar (ganhou o de Efeitos Especiais), gerou uma sequência, ‘Babe 2 : O Porquinho atrapalhado na Cidade’, também indicada ao Oscar (de Melhor Canção). E ainda tem roteiro de George “Mad Max” Miller, que também é diretor de ‘Babe 2’.

‘Paulie - O Papagaio Bom de Papo’ (1998)

Confinado em uma gaiola em um instituto de pesquisa, ‘Paulie’ relembra a história de sua vida ao lado de Marie, uma menina com problemas de fala e que tenta ensinar o pássaro a superar o medo de voar. Mesmo depois de viver muitas aventuras, Paulie ainda sonha em reencontrar sua primeira dona. Vencedor do BAFTA (o “Oscar britânico”) de Melhor Filme Infantil.

'Gatos’ (2016)

Este filme não é mais uma versão do musical ‘Cats’, mas um documentário que pode ser visto na íntegra no Youtube, já que é uma produção do próprio Youtube. ‘Gatos’ (‘Kedi’, no original) Mostra o cotidiano de 7 gatos em Istambul, cidade da Turquia na qual são considerados animais sagrados e se comportam quase como… humanos comuns.

‘Cavalo de Guerra’ (2011)

Steven Spielberg volta a ter um animal como protagonista estrela de um filme seu 36 anos depois de mudar a história do cinema com ‘Tubarão’. ‘Cavalo de Guerra’ não mudou a história do cinema, mas o toque spielberguiano na história de amizade entre um garoto e seu cavalo separados pela I Guerra Mundial garante boas duas horas e meia de emoção.

‘Free Willy’ (1993)

‘Free Willy’ é a cara dos “esperançosos” anos 1990: a mensagem ecológica da história de amizade entre um menino órfão e uma baleia orca fez milhões se debulharem em lágrimas ao som da pegajosa música-tema ‘Will You Be There’, produzida e cantada por Michael Jackson.

‘O Pequeno Stuart Little’ (1999)

Mais um bom exemplar do boom de filmes estrelados por animais na década de 1990 e que teve sequências (duas, neste caso). Adotado pela família Little para ser o “irmão” de George, o ratinho órfão Stuart vive às turras com o gato persa Nathan e ganha o coração dos espectadores.

‘Canguru Jack’ (2003)

Em papéis secundários, Christopher Walken (‘Batman - O Retorno’, ‘Pulp Fiction’, ‘O Franco Atirador’) e Michael Shannon (‘Homem de Aço’, ‘A Forma da Água’, ‘Boardwalk Empire’) emprestam um pouco de credibilidade a essa comédia que mostra dois ladrões atrapalhados entrando em apuros após um canguru fugir levando jaqueta de um deles, cujo interior possui uma carga valiosa.

‘White God’ (2014)

Filmes de cachorro existem aos montes e você provavelmente já viu muitos. Mas que mostra uma rebelião de cães em no canil público e filmado com cachorros reais e sem truques digitais, este muito provavelmente é o primeiro e único. Vencedor do prêmio Un Certain Regard no Festival de Cannes, ‘White God’ é um dos “filmes de cachorro” mais surpreendentes da história do cinema.