Filme sobre orgia e drogas sacode o Festival de Cannes. Veja o trailer

(Imagem: divulgação Wild Bunch)

‘Clímax’, novo filme do diretor francês Gaspar Nóe, foi um dos assuntos do Festival de Cannes neste último final de semana, quando foi exibido na Semana dos Realizadores, um das mostras que fazem parte da programação do evento.

As cenas de nudez, sexo e drogas deixaram o público boquiaberto, enquanto críticos saudaram o longa como um dos melhores da carreira do polêmico cineasta. Até aqui, seu trabalho mais conhecido é ‘Irreversível’ (2002), suspense violento famoso por ter uma longa cena de estupro protagonizada pela atriz italiana Monica Belucci.

Em ‘Clímax’, Sofia Boutella (vista recentemente em ‘A Múmia’ e ‘Atômica’) vive uma integrante de um grupo de dança que se reúne para três dias de ensaio num local isolado. Durante uma festa, drogas são incluídas nas bebidas e os participantes começam a se comportar de maneiras bizarras, estimulados também pela música eletrônica que domina o ambiente. O que para alguns é o paraíso, é para outros um terrível pesadelo.

O filme ainda não tem estreia definida no Brasil. Veja o trailer abaixo: