Filme da Amazon recria encontro entre Cassius Clay, Sam Cooke, Malcolm X e Jim Brown

Sarah Mills
·1 minuto de leitura
Regina King

Por Sarah Mills

(Reuters) - Imagine uma época, há mais de 50 anos, em que quatro das maiores celebridades negras norte-americanas se encontram e passam horas discutindo raça, religião e política.

Essa é a premissa do filme "One Night in Miami", que estreia na Amazon Prime na sexta-feira, narrando um encontro de 1964 entre o boxeador Cassius Clay, o cantor de soul Sam Cooke, o ativista de direitos civis Malcolm X e o jogador de futebol americano Jim Brown. A reunião realmente aconteceu, diz o roteirista Kemp Powers, que se deparou com uma menção fortuita há anos e ficou obcecado em descobrir mais.

“As caracterizações e as conversas são fictícias, mas a situação é verdadeira”, afirmou Powers. "Tudo nesta ficção é alimentado por fatos."

Os quatro homens se encontraram depois que Clay, então com 22 anos, derrotou inesperadamente o rival peso pesado Sonny Liston em fevereiro de 1964 em uma luta em Miami Beach, na Flórida. A conversa imaginária varia desde a dificuldade de ser negro nos Estados Unidos na década de 1960 até a responsabilidade pessoal e desafios de carreira.

Clay, que mais tarde mudaria seu nome para Muhammad Ali, "voltou para o quarto de Malcolm com Sam e Jim. Eles passaram a noite conversando. E a manhã seguinte foi quando anunciou à imprensa que fazia parte da Nação do Islã", disse Powers.

O filme, que deve ser um forte candidato a prêmios neste ano, marca a estreia na direção de longa-metragem da atriz Regina King, ganhadora do Oscar por "Se a Rua Beale Falasse".

(Reportagem da Reuters Television)