Filho de Biden fala de vício em drogas em livro de memórias

·1 minuto de leitura
O então vice-presidente Joe Biden (centro) e seus filhos Hunter Biden (esquerda) e Beau Biden (direia) no desfile de posse do ex-presidente Barack Obama em 2009

O filho do presidente americano Joe Biden, Hunter, publicará em abril um livro em que relata "sua queda no abuso de substâncias e seu tortuoso caminho para a sobriedade", anunciou nesta quinta-feira (4) a Gallery Books, marca da editora Simon & Schuster.

"Beautiful things", que será publicado em inglês em 6 de abril, "é um livro de memórias profundamente emocionante" onde o filho do presidente reflete sobre "o vício, a perda e a sobrevivência", disse a Gallery Books em comunicado.

O livro menciona também a morte de seu irmão Beau em 2015, aos 46 anos, por conta de um câncer no cérebro, assim como a morte de sua mãe e sua pequena irmã em um acidente de carro em 1972, quando Hunter e Beau eram crianças e seu pai acabava de ser eleito como senador.

"Venho de una família repleta de tragédias e unida por um amor marcante, inquebrável", escreve Hunter Biden em suas memórias.

Hunter Biden, de 51 anos, foi um frequente alvo dos conservadores nos Estados Unidos e do próprio ex-presidente Donald Trump durante a campanha eleitoral para as presidenciais de novembro, principalmente pelos seus negócios na China e na Ucrânia.

Hunter, que atualmente se dedica à pintura e vive em Los Angeles, nega ter agido erroneamente em seus negócios no exterior.

lbc/mps/aa