Figurinista de "Rebelde" diz que não quis reproduzir looks da novela mexicana: "Nova geração"

Parte do elenco de
Parte do elenco de "Rebelde" com uniformes personalizados (Foto: Netflix)

Os oito novos episódios de “Rebelde” já estão disponíveis na Netflix e, além da continuação das histórias que ficaram em aberto há alguns meses, estávamos ansiosos para conferir os looks de Jana, Luka e companhia, um dos pontos altos da primeira temporada.

Cena da segunda temporada de
Cena da segunda temporada de "Rebelde" (Foto: Netflix)

Em conversa com o Yahoo, a figurinista Nayeli De Alba conta que, inicialmente, foi convidada para participar apenas da fase inicial projeto, como consultora de styling. “No fim, fiquei tão envolvida que tudo indicava que eu teria que continuar na equipe. Então, me propuseram que eu continuasse e decidi me aventurar e fazer uma série pela primeira vez”, relembra.

Dixon (Jerónimo Cantillo) e MJ (Andrea Chaparro) (Foto: Netflix)
Dixon (Jerónimo Cantillo) e MJ (Andrea Chaparro) (Foto: Netflix)
Luka Colucci (Franco Masini) (Foto: Netflix)
Luka Colucci (Franco Masini) (Foto: Netflix)

As duas temporadas de “Rebelde” foram gravadas em sequência e, já na estreia, em janeiro deste ano, a repercussão do visual dos personagens foi mais do que positiva. “É o resultado de muito trabalho, muita paixão. Foi uma experiência linda, na qual aprendi demais, troquei muito com meus colegas e com os próprios atores”, comemora ela.

Esteban (Sergio Mayer Mori) (Foto: Netflix)
Esteban (Sergio Mayer Mori) (Foto: Netflix)

Consciente da responsabilidade que é fazer parte de uma obra que sucede um grande sucesso, como foi o caso da novela que originou o grupo RBD, Nayeli garante que, apesar de algumas referências, nunca pensou em reproduzir os looks de Mia, Roberta, Miguel e os demais. “Não se trata de um remake. É uma nova geração que fala com um novo público. A ideia, desde o princípio, foi criar uma identidade própria, uma narrativa diferente, outro olhar sobre o panorama em que eles estão inseridos”, explica.

Emília (Giovanna Grigio) (Foto: Netflix)
Emília (Giovanna Grigio) (Foto: Netflix)
Jana (Azul Guaita) (Foto: Netflix)
Jana (Azul Guaita) (Foto: Netflix)

Para isso, a stylist trabalhou com a WGSN, empresa focada em previsão de tendências, analisou perfis de diversos Gen Z nas redes sociais e, claro, resgatou a estética que marcou os anos 1990 e 2000. “Também tem muito das minhas experiências pessoais nesse mix. O estilo dos meus irmãos mais velhos e de outras pessoas que marcaram minha vida, coisas que eu lembro dos anos 2000, ‘As Patricinhas de Beverly Hills’ e outros filmes que assisti...”, entrega.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos