Festival de Veneza 2021 terá filme brasileiro estrelado por Rodrigo Santoro

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 01.08.2016 - O ator Rodrigo Santoro durante evento em São Paulo. (Foto: Bruno Poletti/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 01.08.2016 - O ator Rodrigo Santoro durante evento em São Paulo. (Foto: Bruno Poletti/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O longa brasileiro "7 Prisioneiros", dirigido por Alexandre Moratt e protagonizado por Christian Malheiros e Rodrigo Santoro, será exibido pela primeira vez na 78ª edição do Festival de Veneza, onde também concorre ao prêmio Orizzonti Extra, de júri popular.

O filme é da Netflix e deve estrear ainda neste ano. Produzida por Fernando Meirelles, de "Cidade de Deus", e Ramin Bahrani, de "O Tigre Branco", a obra retrata a dura realidade de trabalhos análogos à escravidão.

Santoro interpreta o papel de Luca, homem que comanda um ferro velho paulista, onde Mateus, papel de Malheiros, se torna vítima de um trabalho análogo ao sistema escravocrata.

O Festival de Veneza ocorrerá entre os dias 1º e 11 de setembro. No evento, também serão exibidos os filmes "Duna", de Denis Villeneuve, e "Madres Paralelas", o novo longa de Pedro Almodóvar estrelado por Penélope Cruz.

O diretor do festival, Alberto Barbera, disse recentemente que está feliz por receber Almodóvar e definiu seu novo filme como um "retrato intenso e sensível de duas mulheres que enfrentam os temas de uma maternidade com mudanças imprevisíveis, a solidariedade feminina e uma sexualidade vivida com plena liberdade e sem hipocrisia".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos