Após festa polêmica, Carlinhos Maia diz que foi convidado para ser um dos primeiros a tomar vacina

·2 minuto de leitura
O influenciador relatou a experiência no Instagram (Foto: Reprodução/Instagram/@carlinhosmaiaof)
O influenciador relatou a experiência no Instagram (Foto: Reprodução/Instagram/@carlinhosmaiaof)

Uma polêmica movimentou as redes sociais nesta segunda-feira (18). O influenciador Carlinhos Maia contou que foi convidado para ser um dos primeiros a tomar a vacina contra a Covid-19 em Alagoas. “Me convidaram aqui no meu estado para ser um dos primeiros a tomar a vacina”, diz ele, que garante não ter aceitado o convite.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

A declaração revoltou parte dos internautas, pois Carlinhos Maia fez uma festa no auge da pandemia, em dezembro do ano passado, aglomerando cerca de 200 pessoas. Alguns convidados, como Mileide Lima e Laís Araujo, testaram positivo para a Covid-19 logo após participarem da festa.

“Não acho justo com quem ficou em casa todo o esse tempo, não aceitei. Mas filmarei mesmo assim para incentivar ainda mais a vacinação dentro do público que me segue”, publicou o influenciador no Twitter.

O Governo do Alagoas foi procurado após a postagem do influenciador, mas negou a informação. “A Secretaria de Estado da Comunicação informa que as 71 mil doses de vacina que começam a ser aplicadas nesta terça-feira (19/01) serão destinadas exclusivamente ao grupo prioritário definido pelo Ministério da Saúde. Estão neste grupo os profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate à COVID-19, indígenas e idosos residentes em abrigos. Não procedem informações de convites feitos a qualquer cidadão fora deste grupo.”

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos