Aos prantos, Fernanda Nobre se despede de Fernanda Young: "Ela tinha ido se reenergizar"

Emocionada, Fernanda Nobre é consolada no velório de Fernanda Young. Foto: Léo Franco/AgNews

Por Leandro Lima

Em algumas semanas, Fernanda Nobre estrearia o espetáculo “Ainda Nada de Novo”, com Fernanda Young. A morte da colega e amiga, que faleceu aos 49 anos na madrugada deste domingo (25) pegou a atriz de surpresa. Emocionada, ela foi se despedir da amiga durante o velório, no Cemitério de Congonhas, em São Paulo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Nos vimos pela última vez na sexta-feira (23), tivemos um ensaio fortíssimo, lindo. Ela foi de mochila de camping, de chapéu, parecendo o Indiana Jones. Disse que estava indo para o sítio dela descansar, ter momento dela se conectar com a natureza, reenergizar. Não estou acreditando que isso está acontecendo”, afirmou a atriz, bastante emocionada.

Leia também:

O espetáculo estava previsto para estrear no dia 12 de setembro, na capital paulista. A dupla interpretaria um casal homossexual, formado por uma atriz e uma diretora de teatro, na peça escrita por Carlos Canhameiro e dirigida por José Roberto Jardim.

“Estávamos num processo criativo intenso, muito profundo. A peça ia ficar lindíssima. Estava tudo ótimo. Ela estava superfeliz, agradecida com esse trabalho. Tinha muita energia, era alegre, muito inteligente. No sábado, a gente se falou o dia todo, estava tudo bem. Foi uma fatalidade”, lamentou a atriz.

Fernanda Nobre comentou ainda o impacto que a escritora, atriz e apresentadora teve em sua vivência do ofício.

“É uma perda irreparável. Nunca tinha tido contato com uma artista plural como ela. Me sinto muito agradecida por ter convivido com ela, espero ser parecida com ela daqui pra frente, espero ter aprendido com ela. É uma perda enorme pra nossa cultura, nesse momento que a gente está vivendo. Uma mulher empoderada, forte, independente”, pontuou.

No Instagram, a atriz havia lamentado mais cedo a morte e convocado seus seguidores para se despedir da amiga.

“Ai, Fernanda, não faz isso com a gente. Só pode ser mentira. Que dor. Que dor. Venham, amigos, homenagear essa artista insubstituível, linda, de uma generosidade inacreditável. Ela vai amar ver esse lugar cheio”, escreveu.

Fernanda Nobre lamenta morte da colega e amiga Fernanda Young. Foto: reprodução/Instagram/fenobre

Nas redes, mais artistas lamentaram a morte tão precoce de uma das mais importantes intelectuais do Brasil.

Em entrevista inédita ao jornal “O Globo”, publicada neste domingo, Fernanda Young comemorava o fato de interpretar sua primeira personagem dramática nos palcos. Ela afirmou levar para o papel uma experiência pessoal, um envolvimento afetivo com outra mulher.

“Já tive uma relação lésbica e foi algo intenso. Espero que todas as pessoas de bom senso sejam capazes de amar livremente, desde que haja consentimento mútuo”, disse ela, que posou nua para fotos de divulgação do espetáculo, em ensaio do fotógrafo Bob Wolfenson.

“Há uma grande sensualidade em cena, porque a criação é uma cosia muito erótica. Mas, em hipótese alguma, isso é feito de maneira vulgar.”