Na reta final da gravidez, Fernanda Lima fala sobre retomar vida no Brasil com chegada da filha

·2 min de leitura
Fernanda Lima. Foto: reprodução/Instagram/fernandalimaoficial
Fernanda Lima. Foto: reprodução/Instagram/fernandalimaoficial

Grávida de oito meses, Fernanda Lima vai começar em breve uma nova fase. A chegada de Maria, prevista para o fim do mês, provocou a mudança da família para o Brasil após dois anos morando fora do país.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Ficamos dois anos na Califórnia para os meninos aprenderam inglês, e foi bem gostoso. Mas, quando engravidei, comecei a questionar se ficar longe de toda a família não seria forte demais. Falei para o Rodrigo: ‘Quem sabe a gente não volta para o Brasil?’. Ele topou na hora”, contou a apresentadora à revista “Ela”, do jornal “O Globo”.

Leia também:

Ela e o marido, o apresentador Rodrigo Hilbert, decidiram que sua nova base seria São Paulo. “Tenho uma história com a capital paulista, onde morei durante dez anos, fiz faculdade, trabalhei na MTV. Só em 2005, quando fui contratada pela TV Globo, me mudei para o Rio. Em São Paulo moram meus amigos, irmãos, sobrinhos. E meu pai e a minha mãe estão a uma hora de avião”, explicou.

Segundo ela, o casal gosta de família grande. Eles já são pais dos gêmeos João e Francisco, de 11 anos. “Nos últimos dez anos, ficamos muito voltados para o trabalho e para a educação dos meninos. Achava que, com a chegada de um terceiro filho, poderia perder o foco. Mas o tempo passa rápido. Chegou uma hora em que achei que não ia rolar mais. Quando fiz 40 anos (em junho de 2017), parei para conversar com o Rodrigo e falei: ‘Se a gente quiser, tem que ser agora’. E ele: ‘Vamos!’. Eu: ‘Você vai virar noites ao meu lado?’. Ele jurou que sim. Então, tirei o DIU e, seis meses depois, engravidei”, lembrou.

Fernanda contou que a relação com o sexo mudou nesta segunda gravidez. “Mesmo sendo um cara do mato, mais xucro, com uma relação forte com a natureza, na minha primeira gestação, o Rodrigo não queria encostar em mim... Até para sexo! Eu dizia para ele que não tinha problema, mas não adiantava. Ele tinha medo de machucar. Isso é falta de informação. Nesta segunda gravidez, ele está muito mais íntimo da minha barriga”, disse ela, que posou nua para a publicação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos