Felipe Tito relembra primeiro milhão de reais aos 28: “Foi em 2014”

·2 min de leitura
Felipe Titto tem mais de 10 empresas (Reprodução / Instagram @felipetitto)
Felipe Titto tem mais de 10 empresas (Reprodução / Instagram @felipetitto)

Felipe Titto tem mais profissões do que apenas a de ator ou influenciador digital Aos 33 anos ele é sócio em mais de 10 empresas e contou como comemorou a primeira vez que viu mais de um milhão de reais em sua conta bancária.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

“A primeira vez que eu olhei minha conta e tinha mais de R$ 1 milhão, tinha 28 anos. Foi em 2014, armei um jantar com a minha família e ninguém sabia o que eu estava comemorando. Não é pelo dinheiro e por colher o que eu plantei, pensar que tá dando certo", relembra.

Leia também

Muito regrado na vida, ele conta como se divide para dar conta das empresas e da vida como ator e influenciador digital. “Não tenho como estar presente em 10 empresas, então eu tenho um grupo do whatsapp com todos os sócios de todas as empresas e assim alinho as coisas. Tenho sócios em todos os negócios. Não dá pra operar sozinho”, avaliou.

Quando entra em uma novela, o cenário muda um pouco. “Fico de 6 a 9 meses no Rio. Muitos dias eu fico o dia todo trancado no estúdio. Não dá para estruturar nada novo fazendo novela, então tem que já estar tudo encaminhado”, ressaltou.

Na pandemia do covid-19 ele viu uma oportunidade. Com dinheiro de caixa e para o capital de giro, ele abriu uma empresa que fabrica máscaras. “Não queria surfar nessa onda da doença. Mas quis que tivesse um cunho social, então cada máscara que eu vendo eu doo outra”, avisou.

O envolvimento em causa sociais, que ele faz parte, é uma das coisas que quer propagar. “Antes de pandemia sempre coloquei a mão na massa para levar as doações, gosto de conversar com os caras e fazer eu mesmo. E só conto para que as pessoas possam entender que também podem fazer. Ninguém é tão pobre que não pode fazer nada por alguém, nem que seja um abraço”, concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos