Fátima Bernardes sobre Bolsonaro: "Esquece que governa para todos"

Foto: Reprodução/Globo

Fátima Bernardes iniciou o ‘Encontro’ desta quarta-feira (19) comentando a insinuação sexual que Jair Bolsonaro fez contra a jornalista Patrícia Campos Mello. Na ocasião, o presidente disse que a repórter “queria dar o furo a qualquer preço”, arrancando risadas dos apoiadores que assistiam à entrevista.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

E nos siga no Google News: Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

“É muito triste a gente ver o presidente do nosso país com uma declaração como essa, tentando fazer um ataque sexual a uma jornalista respeitada. É muito triste ver um ataque como esse partindo do posto e do cargo mais importante”, iniciou a artista, que prosseguiu falando sobre o referencial de um presidente para a população.

Leia também:

“Ele (Jair Bolsonaro) se esquece que governa para todas as mulheres e todos os homens, que o comportamento dele serve de referência para o comportamento de todo mundo desse país”, continuou Fátima.

Ainda segundo ela, o caso lembra a recente denúncia de assédio que uma jovem fez contra um motorista de aplicativo e o rapaz argumentou que a culpa teria sido dela por usar um “short tipo Anitta”.

No fim do desabafo, a apresentadora lembrou que a declaração de Bolsonaro não deixou somente ela indignada. “Felizmente a gente vê muitos homens indignados com declarações como essas e outras que ainda vamos continuar lutando para combater”, finalizou, antes de prosseguir com o programa.