Família de Marília Mendonça autoriza lançamento de feat com Naiara Azevedo

·3 min de leitura
Marília Mendonça e Naiara Azevedo
Marília Mendonça e Naiara Azevedo

Depois de muita polêmica, a família de Marília Mendonça (1995-2021) voltou atrás e liberou o lançamento da música "50 por Cento", em parceira com Naiara Azevedo. Em entrevista ao site "Splash", do UOL, Robson Nunes, advogado da família da rainha da sofrência, explicou que o problema não era a música, mas o novo clipe que havia sido gravado após a morte da cantora, que possuía um tom totalmente apelativo e sensacionalista.

"A família nunca se opôs a utilização do vídeo que foi gravado em vida com a Marília, até em respeito a vontade dela", disse o advogado. "Então foi esclarecido à produção da Naiara, eles entenderam e não irão utilizar o novo vídeo, vão utilizar o vídeo gravado em vida com a Marília", esclareceu.

O irmão de Marília, João Gustavo, que chegou a chamar Naiara de oportunista se pronunciou no Twitter sobre o assunto.

"A equipe de Naiara Azevedo nos procurou e entendeu a nossa posição contrária ao lançamento de uma gravação feita após a morte da Marília. Um vídeo totalmente diferente daquilo que a Marília havia feito em vida e que tinha um tom apelativo de tristeza e sofrimento .Minha irmã sempre levou alegria e felicidade por onde passava, essa é a imagem que queremos defender. Nunca fomos contrários ao lançamento do vídeo feito em vida pela Marília com a Naiara, essa era a vontade dela e será respeitada", declarou.

João ainda se desculpou pelas críticas duras que fez para Naiara. "Quando minha mãe tomou conhecimento do vídeo que queriam lançar, ela ficou muito triste e vê-la daquela forma me fez perder a cabeça e eu agi de uma forma impulsiva. Hoje, de cabeça fria, reconheço que fui duro nas palavras e por não ter compromisso com o erro, peço desculpas à Naiara e toda sua equipe", escreveu o artista.

Entenda a polêmica

Após a pressão da família de Marília Mendonça, Naiara Azevedo cancelou o lançamento da música '50 por Cento', que ela havia gravado com a rainha da sofrência em 2020. A equipe da sertaneja ouviu as reclamações e achou melhor evitar o aborrecimento.

Em uma nota publicada na tarde deste domingo (16) nos perfis oficiais de Naiara, sua equipe comunicou que tomou a decisão por respeito à família da dona do hit 'Infiel', que morreu em um acidente aéreo em novembro do ano passado. A música não será lançada.

"A equipe de Naiara Azevedo tem toda admiração e respeito por Marília Mendonça e sua família, e entende toda a delicadeza da situação. Mas, em respeito a família de Marília, e se for da vontade deles não quererem esse lançamento, iremos entender e não lançar a canção. E fica aqui frisado, novamente, toda admiração e respeito que sempre existiu entre as artistas", diz a nota.

Naiara foi confirmada no elenco do BBB22, e no dia seguinte sua equipe anunciou o lançamento da música gravada em parceria com Marília, que estava marcado para fevereiro deste ano. Mas João Gustavo, irmão da artista falecida, decidiu expor sua versão dos fatos.

Em uma sequência de posts no Twitter, ele chamou Naiara de oportunista por querer usar a imagem de Marília em seu benefício dentro do confinamento, para poder ir longe no reality show.

De acordo com o site da Quem, as duas cantoras não se bicavam e Marília teria barrado o lançamento da música em janeiro de 2021, às vésperas da estreia oficial, por não gostar de ver Naiara participando de um almoço com Jair Bolsonaro. Na mesma ocasião, o presidente da República mandou os jornalistas enfiarem "leite condensado no rabo".

Naiara resolveu usar essa música, que estava engavetada, para lançar o DVD 'Naiara Azevedo - Baseado em Fatos Reais'.

"Neste projeto, foi incluída a faixa 50 Por Cento, uma canção muito especial para Naiara, e se manteve a participação da Marília através das imagens do videoclipe já gravado, como forma de carinho e admiração. Reiteramos que tudo foi sempre feito dentre os trâmites legais.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos