'A fama não traz a solução dos seus problemas', diz Kéfera

A atriz revelou que sofreu bullying na adolescência e por isso tentou se transformar em quem não era (Reprodução – Instagram – @kefera)

No ar como a Mariane de “Espelho da Vida”, Kéfera está fazendo sua estreia na TV. A atriz, que tem 12,5 milhões de seguidores só no Instagram e é um fenômeno teen do YouTube, contou em entrevista ao “Glamurama” que sofreu bullying na infância e adolescência e e para tentar se reinventar, passou a tentar parecer ser o oposto do que ela era quando mais nova ao ficar famosa na internet.

“Sofri muito bullying também quando era mais nova. Me deu vontade de resgatar isso, ao invés de fugir, como sempre tentei. Sempre tentei me distanciar e me diferenciar de quem eu era. Dessa vez, não. Estou querendo me conectar com minha essência, me buscar. Me conhecer. Eu uso óculos, então agora apareço direto de óculos. Está sendo muito gostoso hoje ver fotos da minha infância e perceber que aquela menina cacheadinha de óculos virou uma mulher. Hoje, ao invés de tentar me distanciar de quem eu era, estou me aproximando, me reconectando. Estou muito consciente e querendo mesmo viver quem eu sou. Não pelos outros. Não foi uma mudança que veio do externo. Foi do meu interior para o exterior. Sofri muito no passado. E a minha autoestima foi construída em cima de uma criança que sofreu bullying até a adolescência. Por causa do meu cabelo, meu corpo, por causa dos óculos… De tudo. Existem os sofrimentos sociais, mas o sofrimento individual não pode ser ignorado e também é bem doloroso”, disse ela.

Leia mais:
Paula Fernandes muda o visual e aparece de franjinha
Luciano Huck se dá mal ao tentar se disfarçar em museu: ‘E o nariz?’

A atriz também explicou que muitas pessoas acreditam que as pessoas famosas não têm problemas de autoestima, mas isso não é verdade. “Se alguém argumenta: poxa, mas você é tão famosa, com uma legião de seguidores… E mesmo assim estava sentindo esse vazio? Novos ciclos vão acontecendo. Novas pessoas nascem dentro de você, e outras vão embora. O outro vê de fora e pensa: ‘Ah, ela deve estar muito bem’. Na realidade, não é isso. A fama não traz a solução dos seus problemas. Pelo contrário. Se voêe não tem preparo psicológico, pode piora-los. Não é a fama que sana esses problemas, essas questões do passado. Até porque aí você estaria só tapando buracos com elementos externos, sem cuidar do seu interior… Sem pensar o que acontece dentro de você e por que aquilo te machucou. Fama não significa cura de problemas de autoestima. Sim, escuto que sou linda, mas se a gente ficar buscando nossa autoestima nos elogios, na validação do outro, é furada também. Se você não se acha bonita, não se sente confortável com você mesma, não adianta o que os outros falam. Não ajuda. Beleza é um sentimento”, explicou Kéfera.