Família real britânica homenageia enfermeiros pelo mundo com telefonemas

Elizabeth II ligou para enfermeiros do Reino Unido e países que ela é soberana (Photo by Kirsty O'Connor/PA Images via Getty Images)

LONDRES (Reuters) - A rainha Elizabeth e outros membros destacados da família real britânica se uniram nesta terça-feira para agradecer enfermeiros de todo o mundo por seus esforços durante a pandemia de Covid-19.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários

Nos telefonemas em homenagem ao Dia Internacional do Enfermeiro, os membros da realeza publicaram vídeos e conversaram com profissionais de saúde da Austrália à Índia e da África ao Caribe. "Este é um dia importante de fato", disse a rainha, de 94 anos, à professora Kathleen McCourt, presidente da Federação de Enfermeiros e Parteiras da Comunidade das Nações Britânicas, dizendo que os enfermeiros "obviamente tiveram um papel muito importante a desempenhar recentemente".

Leia também

Comentaristas da realeza disseram que foi a primeira vez nos 68 anos de seu reinado que o áudio de um telefonema envolvendo a monarca foi divulgado. O Palácio de Buckingham disse que os membros da realeza conversaram com enfermeiros e profissionais de saúde do Reino Unido, Austrália, Índia, Malaui, Serra Leoa, Bahamas, Chipre e Tanzânia.

"Vocês são uma inspiração enorme para todos. Um agradecimento enorme de todos nós aqui a vocês", disse Kate, a duquesa de Cambridge, durante uma das sete ligações que fez com Sophie, a condessa de Wessex e esposa do filho mais novo da rainha, o príncipe Edward.

"Do fundo de meu coração, obrigado por tudo que vocês estão fazendo", disse o príncipe William, marido de Kate, em uma ligação para funcionários de um hospital de Londres. "Espero que vocês saibam o quão gratos todos são pelo que vocês todos estão fazendo".

(Por Michael Holden)

((Tradução Redação Rio de Janeiro; 55 21 2223-7128))

REUTERS PF