6 falas problemáticas de Whindersson Nunes na treta com Luisa Sonza

·6 minuto de leitura
O machismo estrutural esteve presente na treta (Foto: Reprodução/Instagram/@whinderssonnunes)
O machismo estrutural esteve presente (Foto: Reprodução/Instagram/@whinderssonnunes)

A lavação de roupa suja entre Whindersson Nunes e Luisa Sonza após um ano de separação deu o que falar nesta segunda-feira (10). Não é ficção, muito menos uma obra-prima como "Dom Casmurro", mas não seria exagero dizer que a cantora se tornou a nova Capitu e o youtuber o novo Bentinho. 

Afinal, Luisa Sonza traiu ou não traiu o ex-marido? Cada um com a sua teoria. O que importa é que não temos Machado de Assis para questionar e deveríamos entender de uma vez por todas que os bastidores da separação diz respeito apenas ao ex-casal

Leia também

Outro ponto essencial: respeitar a mulher é o mínimo. Além de recriar o romance também querem voltar para o século 19? Estamos em 2021 e não vamos nos calar diante do machismo. Whindersson pode ter lá suas razões na discussão com Luiza, mas o discurso é problemático e abaixo explicamos. 

Não traiu, mas "depois do término aconteceu uma coisa"

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Após Luiza garantir que não foi a responsável pela separação, Whindersson foi pressionado pelos internautas para contar sua versão da história. Ele admitiu que o divórcio partiu dele e acrescentou que a separação não foi motivada por uma traição. O youtuber poderia ter parado aí, mas acrescentou que "depois do término aconteceu uma coisa" que o deixou muito triste. Isso abriu margem para, mais uma vez, Luisa Sonza ser julgada. O que ela fez de tão grave que magoou o ex-marido? Assunto para ser tratado no privado, na terapia, discutido com amigos. 

"Não ganhei um centavo com esse assunto"

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mesmo sabendo que não foi traído por Luisa e tendo ciência que esse assunto trazia problemas para imagem da cantora, Whindersson fez várias piadas sobre a "dor de corno" em suas redes sociais. O comportamento dele foi praticamente uma "confirmação" da suposta traição. 

Quando criticado por ter feito isso, o youtuber afirmou que foram "apenas piadas" e nada disso trouxe dinheiro para ele. O comentário tem relação com a maneira que Luisa Sonza lidou com os haters até aqui. Para não se abalar, a artista contava com o engajamento. Um pouco baixo tocar nesse assunto... Ela desenvolveu uma Síndrome do Pânico!

"Por que ninguém me defendeu?" (das piadas de corno)

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Whindersson acha que da mesma forma que saíram em defesa de Luisa Sonza (depois que veio à tona que ela não traiu o humorista) também deveriam defendê-lo das "piadas de corno". Alguém explica que os pesos são diferentes? No caso dele, que trabalha com humor, as pessoas se divertiam e sentiam empatia, "pena por ter sido trocado". Com Luisa, o público questionava o caráter, ameaçava de morte e se pudesse agredia a moça na rua (assim como seu namorado, Vitão, que sim, foi agredido).

"Cada um cuida da própria vida, ela a dela, e eu da minha"

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Precisamos falar sobre responsabilidade afetiva. As pessoas namoram, casam, dividem a vida e depois que se separam acham que tudo acabou? Seres humanos têm sentimentos. Não dá para apertar um botão para ligar ou desligar a dor. A repercussão de uma separação envolve dois nomes. Whindersson não tem obrigação de cuidar ou defender Luisa, mas não contribuir para os ataques de ódio é o mínimo.

"Falo da Maria grávida sim"

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

É bonito ver que Whindersson está realizando o sonho de ser pai. O que não dá é falar de Maria Lina como se ela fosse apenas uma reprodutora. Antes de ser mãe do filho dele, a estudante de engenharia é noiva, amiga, mulher. E, assim como Luisa Sonza, ela merece respeito. 

Whindersson citou a gravidez de Maria quando começou a ser atacado. Ele pediu para as pessoas respeitarem esse momento e afirmou que por causa disso passou muito tempo sem se pronunciar ou tocar no nome da ex-mulher. Ok, legal, mas isso seria diferente se ela não estivesse grávida?  

"A paranoia adoece todo mundo"

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Sabemos do período em que Whindersson enfrentou uma depressão. Luisa, inclusive, adaptou a agenda para cuidar do youtuber. Durante o "furacão" desta segunda (10), ele falou sobre o assunto, citou o tratamento, mas a postagem não foi de bom tom. 

Além de falar sobre um tema muito delicado quando o foco era outro, o artista deveria lembrar que Luisa também já revelou sofrer de depressão, síndrome do pânico - e o fato dela ser julgada, sim, por ser mulher. Não tem como não fazer o recorte de gênero. Despertar gatilhos nunca é legal.  

Processo de desconstrução

Como citado no início do texto, o mundo mudou. Estamos em processo de aprendizado e muitas vezes cometemos erros sem perceber. É a famosa reprodução daquilo que passamos a vida inteira ouvindo, achamos normal e acaba contribuindo para a existência de relacionamentos e ambientes tóxicos. 

O importante é estar aberto para ouvir e mudar. Whindersson Nunes é novo e já se mostrou progressista, interessado no diálogo, disposto a se desconstruir. Que esse desejo não vá embora com as tretas motivadas pela separação. Que daqui pra frente possamos expor falas convenientes e assertivas de um pai, humorista e youtuber seguido por mais de 51 milhões de pessoas. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos