Ex-funcionários da Disney recriam parada do parque em casa

Mat Davies se apresentando na parada Wonderful World of Disney. (Foto cortesia de Mat Davies)

Forçadas a adiar suas viagens de férias para curtir os parques por causa da crise do coronavírus, famílias de todo o mundo têm demonstrado a sua criatividade recriando em casa suas partes preferidas da experiência Disney – imitando a sensação de estar em uma montanha-russa na sala de estar, preparando a famosa receita de churros da Disney e até construindo meticulosamente réplicas dos parques usando Lego.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Um antigo funcionário da Disneyland manteve a criatividade em alta e trouxe a magia do parque temático para os telefones celulares e computadores de todos com a ajuda de outros 160 ex-funcionários.

Leia também

Mat Davies, de 33 anos, mora em Londres e trabalhou na Disneyland Paris do outono de 2005 ao outono de 2007, e depois novamente do verão de 2008 ao verão de 2009. Em 25 de abril, ele teve a ideia de entrar em contato com seus antigos colegas de trabalho para recriar a famosa parada The Wonderful World of Disney durante a quarentena.

“Num dia de nostalgia, comecei a pensar na época que trabalhei na Disneyland Paris e a olhar fotos antigas,” disse ele ao Yahoo Life. Depois de entrar em contato com seus ex-colegas em um grupo no Facebook, a ideia vingou.

“O grupo tem mais de 1.200 membros, todos ex-funcionários que participavam da parada da Disneyland Paris, relembrando bons momentos, compartilhando histórias e fotos e mantendo o contato com velhos amigos”.

A parada foi apresentada de 1998 a 1999, e depois novamente de 2001 a 2007, e embora muitos dos membros do grupo não tenham participado do espetáculo juntos, todos conhecem a mesma coreografia de ‘Dancin’ (A Catchy Rhythm)’. Davies conta que repetia a coreografia seis vezes seguidas ao longo de cada apresentação.

Davies, que começou a trabalhar na Disney aos 18 anos, recebeu mais de 160 vídeos. Ele precisou de uma semana para reuni-los e editá-los. Desde que compartilhou o vídeo final no YouTube em 11 de maio, já foram mais de 30 mil visualizações.

“É impossível não se lembrar da coreografia quando você ouve a música,” disse ele, sobre a canção memorável que reunia a todos.

“Como a parada foi apresentada por quase 10 anos, muitas pessoas chegaram e partiram durante esse período, então eu não conhecida boa parte dos membros do grupo,” continuou Davies. “mas, como um cast member – nome que a Disney dá aos seus funcionários – criamos um vínculo singular e especial, diferente de todos os outros”.

O vídeo final de Davies mostra uma colagem de diferentes vídeos dos ex-funcionários, filmados em suas casas durante o período de quarentena. O vídeo começa com alguns cast members fazendo a coreografia de cada um de seus personagens, e depois todos se unem na mesma dança. Alguns dançarinos usaram fantasias e foram acompanhados por seus filhos ou outros membros da família saltitando ao fundo.

Um dos dançarinos vistos no vídeo de Davies é David Mitchell, de 39 anos, que mora em Brighton, Inglaterra. Ele conheceu sua esposa Alice quando ambos participavam da parada da Disneyland Paris. Os dois se casaram em 2015 e, fiéis à magia que os uniu, passaram sua lua de mel no Walt Disney World na Flórida. O casal tem dois filhos: Henry, de 3 anos, e Albert, de 1 ano, que estão cada vez mais apaixonados pela Disney, assim como seus pais.

David Mitchell e sua esposa Alice em sua lua de mel na Disney. (Foto cortesia de David Mitchell)

“Poucas coisas me fazem chorar, mas fiquei emocionado ao ver toda a minha antiga família da Disney, o esforço de todos e o quanto a Disney significa para as pessoas,” disse Mitchell ao Yahoo Life sobre a participação no vídeo.

“A Disney tem um papel enorme na minha família,” continuou. “Eu devo tudo que tenho à Disney. Se não fosse pela Disney, eu nunca teria conhecido a minha esposa e não teria tido os meus filhos. Então, sempre amarei a Disney e sempre acreditarei na Magia da Disney”.

“Poder dançar na parada, passando pelo Castelo da Disney, é algo diferente de todos os outros empregos,” disse Davies, sobre o seu passado na Disney. “É uma sensação indescritível, dançar e ver tantas crianças e adultos sorrindo e acenando para você. Poder reviver esses momentos felizes e sentir essa sensação novamente, mesmo dançando na minha própria sala de estar, foi maravilhoso”.

Davies conta que recebeu mensagens de gratidão de diversos funcionários por ter colocado a ideia em prática, mas ele está igualmente grato a todos.

“Recebi muitas mensagens lindas de ex-funcionários me agradecendo por reconectá-los com amigos com os quais não falavam há 20 anos e por melhorar o humor de todos durante a quarentena,” disse ele. “A maioria deles não se deu conta de que eu sou igualmente grato a todos por terem concordado em fazer parte do vídeo, por terem dançado com tanto entusiasmo e por terem me permitido exercitar meus músculos, usar minha criatividade, o que acabou melhorando, e muito, minha quarentena”.

O Yahoo Life tentou entrar em contato com a Disneyland Paris para falar sobre a iniciativa, mas não obteve retorno.

Hannah Kramer