Exausta, Bárbara Evans pede ajuda aos fãs com a filha: "Só dorme no meu colo"

Mãe de primeira viagem, Bárbara Evans fez um desabafo em suas redes sociais sobre o sono da filha, Ayla, de um mês. A modelo afirmou que a pequena só dorme em seus braços, e que está exausta tentando encontrar outra forma de ninar a filha.

"Mamãe aqui precisa da ajuda de vocês. A Ayla só dorme bem no colo. Ela acostumou no colo, vai até cinco horas diretas de sono. Agora, colocou no ninho ou no berço, parece que tem espinhos! Não fica mais de 30 minutos dormindo. Antes que vocês falem, ela odeia dormir enrolada. Então charutinho, essas coisas não funcionam, já tentei. Ela gosta de dormir com os braços soltos e para cima", explicou Bárbara.

Recentemente, a modelo afirmou que não irá fazer uma exposição romantizada de sua experiência como mãe, e explicou que está cada dia mais apaixonada pela filha. "É cansativo, sim, mas vale cada segundinho!!! Sou muito grata pela minha princesa. Hoje eu sei que eu nasci para ser mãe", completou.

Gestação difícil

Bárbara Evans relembrou a dificuldade que teve em engravidar ao compartilhar um clique exibindo a barriga de sete meses de gestação ao lado do marido, Gustavo Theodoro. O casal terá sua primeira filha, que se chamará Ayala.

"Quem me acompanha sempre soube que meu maior sonho era construir uma minha família. Casar, construir uma casa, ter filhos… Deus é tão maravilhoso que aos poucos meus sonhos estão se tornando realidade. Eu hoje me sinto a mulher mais feliz desse mundo", declarou ela.

Bárbara engravidou após passar por um processo fertilização in vitro — ela esperava gêmeos, mas perdeu um dos bebês no início da gestação. "Não digo que foi fácil, pois não foi… Mas eu NUNCA pensei em desistir e aqui estamos hoje. Foi um longo percurso e uma linda história que eu tenho certeza que esta só começando", completou.

Por fim, a modelo exaltou o marido. "Obrigada, meu AMOR, por nunca me deixar cair, você é a minha base, meu tudo", disse.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos