Ex-Sex Pistol John Lydon competirá no Festival Eurovision da Canção

Vocalista do Sex Pistols, John Lydon durante performance no Azkena Rock Festival, em Vitoria, Espanha

DUBLIN (Reuters) - O ex-vocalista do Sex Pistols John Lydon competirá para representar a Irlanda no Festival Eurovision da Canção de 2023 com sua banda pós-Pistols de longa data, Public Image Ltd (PiL), disse o cantor de "Anarchy in the UK" nesta segunda-feira.

Lydon, mais conhecido como Johnny Rotten quando liderou o movimento punk rock do final dos anos 1970, lançou uma nova música do PiL, "Hawaii", que ele descreveu como uma carta de amor para sua esposa de quase 50 anos, Nora, que convive com o Alzheimer.

A banda PiL está entre os seis artistas selecionados para representar a Irlanda, onde os pais de Lydon nasceram, na competição que acontece em maio. O evento anual será sediado no Reino Unido, onde Lydon nasceu, no lugar da Ucrânia, vencedora de 2022, devido ao conflito em curso no país do leste europeu.

"Isso é dedicado a todos que estão passando por momentos difíceis na jornada da vida, com a pessoa de quem mais gostam", disse Lydon, de 66 anos, em seu site oficial de "Hawaii", que foi lançado nesta segunda-feira.

"É também uma mensagem de esperança de que, no final de contas, o amor conquista tudo."PiL competirá contra os demais candidatos irlandeses em 3 de fevereiro, segundo a emissora nacional RTE. O Festival Eurovision da Canção de 2023 acontecerá em Liverpool em 13 de maio.

(Reportagem de Padraic Halpin)