Ex-BBB Wagner atropela ciclista com carro da ex-namorada Gleici

JAIRO BARBOSA

RIO BRANCO, AC (FOLHAPRESS) - Wagner Santiago, ex-participante do Big Brother Brasil 18, atropelou um ciclista na noite desta segunda-feira (19), em Rio Branco, capital do Acre, cidade natal de sua ex-namorada Gleici Damasceno, vencedora da mesma edição do reality da Globo. O relacionamento dos dois, que começou no programa, terminou em julho de 2019, segundo a acreana. Atualmente, Gleici e Wagner estão no Acre gravando cenas de um filme.

Wagner dirigia o carro de Gleici quando o acidente aconteceu na rua do Aviário, bairro do Aviário, próximo a zona central da cidade. Segundo a Polícia Militar, Wagner estava em um carro modelo Fiat Cronos de cor branca, de propriedade de Gleici, quando, numa rotatória, atingiu um homem que trafegava em uma bicicleta.

Em uma série de vídeos publicados pelo recurso Story do Instagram -em que as publicações desaparecem da rede social após 24h-, Wagner afirma que estava sozinho no carro no momento do acidente e que prestou socorro no local. Depois de prestar socorro e acionar a polícia, ele diz que ligou para Gleici ir até o local. 

A vítima, que não teve o nome revelado, foi encaminhada ao pronto-socorro municipal com algumas escoriações.

O casal de ex BBB foi filmado no local do acidente pelo internauta Hedislandes Gadelha. Wagner aparece em um vídeo questionando Gadelhae alegando direito de imagem para que não fosse filmado. Em seguida, ele pega o celular e a gravação é interrompida.

Em outro vídeo, Gleici é quem surge. Ela atravessa a rua e se aproxima para conversar com Gadelha, reclamando que teve a placa do carro filmada. Ele argumenta com o internauta, que retruca. O diálogo dura mais de um minuto.

Gleici e Wagner foram para o pronto-socorro acompanhados do advogado Oly Duarte. O ex-casal se isolou em um canto da unidade de saúde e não falou com a reportagem. 

Questionado pelo advogado, um enfermeiro informou que o ciclista estava no setor de trauma da unidade, mas que seu estado de saúde era estável e que o caso não era grave.

Em uma nota divulgada por Wagner também no Instagram, o ex-BBB afirma que o homem estava na contramão, mas que ele parou e prestou socorro imediato. 

"Desde o início, minha maior preocupação foi com o estado de saúde do ciclista. [...] É natural que diante da situação eu estava nervoso, portanto, não me senti confortável com a atitude de quem parou apenas para 'publicizar' o acidente (sic). E deixo claro que respeito o trabalho da imprensa, tanto que fiz questão de falar com jornalistas que foram ao local em um momento mais adequado", diz o texto. 

Gleici também se pronunciou sobre o ocorrido pelo Instagram. "A maior preocupação e o foco é na saúde da pessoa que nesse momento está sendo atendida. Está bem e eu espero que fique bem, estou aqui na torcida. Está tudo certo, graças a Deus. Passei por um sufoco, mas graças a Deus ele está bem. Só isso que importa, não importa o que essas pessoas estão falando. Vão acertar as contas com quem tem que acertar, não é comigo", disse.

"Notícia boa para quem se preocupou com o rapaz. Ele já teve alta, ele ainda não foi liberado porque não tem ninguém da família dele aqui, mas está tudo certinho. Ele foi avaliado por toda equipe médica, pelo neurologista, clínico geral, está tudo certo. Eu só estou esperando ele sair pra seguir em paz mesmo", completou.